13 jan 2004 - 10h57

Resumo dos jornais desta terça-feira

Kléber cobra R$ 1 milhão do Atlético – O atacante Kléber nunca se furtou a dar desculpas esfarrapadas para se atrasar nas reapresentações de pré-temporada. A mãe doente ou um parente morto eram os “motivos” para esticar as férias no Maranhão. Desta vez, porém, o jogador tem um motivo mais “poupudo” para ficar no Brasil e pressionar Atlético e Tigres: US$ 1 milhão. (Leia mais).

 

Atlético confirma a contratação de Raulen – A diretoria do Atlético confirmou ontem o último reforço para o início da temporada: Raulen, de 19 anos, contratado junto ao São Caetano. A negociação já estava adiantada na semana passada, quando anunciava-se também o fim do ciclo de contratações com o seu nome. Em troca do jogador, que atua como lateral-direito, zagueiro de área e volante, o Rubro-Negro cedeu a parte (50%) que tinha nos direitos federativos sobre o zagueiro Gustavo. (Leia mais).

 

Mário Sérgio pensa no título paranaense – — Dizer que nós não temos chance de ganhar o campeonato, seria uma mentira muito grande. E eu vou continuar sempre me pautando pela verdade. Os fatos mostram que nós temos um time, hoje, teoricamente mais forte do que aquele do ano passado. Então, nós temos que ir em busca do título — afirmou o treinador. (Leia mais).

 

O novo Atlético está pronto – O técnico do Atlético, Mário Sérgio, é cauteloso ao avaliar os oito reforços contratados para a temporada 2004. Perguntado se o time deste ano é melhor que o de 2003, ele responde sem empolgação. “Aparentemente sim. O elenco é basicamente o mesmo, vieram mais jogadores de marcação”, afirmou, explicando que a reformulação concentrou-se no setor defensivo, ponto fraco da equipe no ano passado. “Tomamos muitos gols”, lembrou. (Leia mais).

 

Atlético não vai trazer mais ninguém – No Atlético, a temporada de caça aos reforços já chegou ao fim. O técnico Mário Sérgio informou que o clube não vai mais trazer mais ninguém para esse início de temporada. O Furacão vai com essa rapaziada que aí está. A diretoria só voltará a pensar em trazer mais um reforço se o volante Allan Bahia tiver que passar por uma cirurgia. (Leia mais).

 


Últimas Notícias