15 fev 2004 - 12h16

Manchetes atleticanas deste domingo

Atlético joga por mais uma vitória – Para evitar qualquer tipo de euforia numa fase que vale muito pouco para a seqüência da competição, o treinador exigiu muito mais dos jogadores para não ser surpreendido pelo adversário. Foram trabalhados bolas aéreas no ataque a e na defesa, além da recuperação de bolas na meia-cancha, as chamadas “bolas quebradas”. (Leia mais).

 

Atlético sentirá “clima” do interior – Pela primeira vez também o técnico Mário Sérgio terá desfalques na equipe: do goleiro Diego, que fraturou um dedo da mão, e do zagueiro Alessandro Lopes, que cumpre suspensão automática pelo recebimento do terceiro cartão amarelo de uma série. Os substitutos são Cléber e Ígor, respectivamente. O aumento do poder ofensivo da equipe, na verdade, já havia ocorrido uma rodada antes, no clássico com o Coritiba, quando o meia William foi deslocado para a ala direita, no lugar de Alessandro Pinto, aumentando as opções de jogadas de ataque. (Leia mais).

 

Atlético-PR enfim joga fora de casa – Até agora o Rubro-Negro atuou três vezes na Arena da Baixada, nas vitórias sobre Prudentópolis, Francisco Beltrão e Paraná. Mas os dois jogos em que não tinha o mando de campo também foram na capital paranaense: a vitória sobre o Malutrom no Pinheirão e o empate com o Coritiba no Couto Pereira. (Leia mais).

 

Atlético faz primeiro jogo fora de casa – Em jogo além da invencibilidade são quatro vitórias e um empate o Furacão na competição, estará a possibilidade de consolidar o primeiro lugar do Grupo A. Se vencer o Iraty hoje, o rubro-negro atingirá os 16 pontos (está com 13) e não poderá mais ser alcançado por nenhum outro clube nesta primeira fase. (Leia mais).

 


Últimas Notícias