10 abr 2004 - 21h50

Treinador exalta a raça da equipe

Apesar de jogar a maior parte do clássico com um jogador a menos (Vanderson foi expulso aos 17 do 1º tempo), o técnico Mário Sérgio destacou a determinação de seus comandados na tentativa de reverter o placar desfavorável. “Com um a menos, o time se superou, se doou, fez o que podia. Se jogarmos lá na Arena o que jogamos no 2º tempo, não perderemos o jogo e ficaremos com a taça”, disse.

Opinião semelhante tem Alan Bahia. “O time estava determinado a marcar forte e fazer os gols. No jogo da volta, vamos entrar com o mesmo espírito que tivemos no 2º tempo para ficar com o título. Não vamos deixar de ser campeão por falta de vontade, raça, determinação”, disse o volante atleticano.



Últimas Notícias

Torcida

Uma nova Aurora para o Furacão

A partida entre Athletico e Maringá realizada no último sábado, na Arena da Baixada, pela 3ª rodada do Campeonato Paranaense, foi um marco na vida…