20 abr 2004 - 14h27

Diego recebeu troféu de goleiro menos vazado

Desta vez, o Troféu Caju foi para o goleiro certo. Na premiação da Chuteira de Ouro, realizada ontem, o goleiro Diego finalmente foi premiado como o goleiro menos vazado da competição, sofrendo 13 gols em 14 jogos, numa média de 0,92 por partida.

No domingo, o goleiro Fernando, do Coritiba, acabou levando o troféu pra casa, em função da conquista do título. Porém, ele sofreu 14 gols em 15 jogos, chegando à media de 0,93. Já o goleiro rubro-negro não escondeu seu descontentamento, afirmando no programa Gol de Ouro que queria o que era seu de direito. “Eu fui o menos vazado e o troféu é para o menos vazado”.

Na cerimônia de ontem, representantes da Paraná Esporte justificaram o erro, se desculparam pelo equívoco e parabenizaram o goleiro menos vazado do torneio, entregando-lhe o troféu oficial da Federação Paranaense de Futebol. Diego, que foi pego de surpresa ao ser convocado para falar em nome de todos os jogadores homenageados, agradeceu o prêmio e foi aplaudido por todos os presentes ao parabenizar a conquista do Coritiba. “Esse prêmio me deixa um pouco mais feliz. Mas não podemos abaixar a cabeça, quinta-feira já começa o Brasileiro e vamos buscar um bom resultado diante do São Paulo”.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…