14 set 2004 - 16h32

Disputa também na bola de prata

Os jogadores do Atlético não estão brigando somente pelo bicampeonato nacional. Seis craques do Furacão estão numa disputa particular: conquistar a Bola de Prata da Revista Placar. Raulen, Marinho, Fabiano, Jadson, Washington e Dagoberto estão na disputa. Os dois últimos também estão relacionados entre os principais craques do Brasil que lutam para ganhar a Bola de Ouro, prêmio máximo concedido pela revista ao melhor jogador do Brasileirão.

Com doze partidas disputadas, Raulen tem a média 5,54 pontos. Ele está na sexta colocação, bem atrás do líder Paulo Baier, do Goiás, que tem 6,09. A disputa de melhores zagueiros (dois são premiados), está mais quente. Marinho e Fabiano têm 5,77 e 5,75 de média, respectivamente. Enquanto Marinho está na terceira posição, Fabiano aparece como o quinto mais bem colocado. Lugano, do São Paulo, e Naldo, do Juventude, são os melhores até agora.

Meio para a frente

As últimas atuações de Jadson renderam ao craque uma subida na tabela da Placar. Em 26 jogos disputados pelo meia, ele já é o quinto melhor do Brasil de acordo com a tabela. Jadson tem a média de 5,92 pontos, enquanto os líderes (dois meias são premiados) Petkovic, do Vasco, e o santista Ricardinho, têm 6,30 e 6,25 pontos respectivamente.

No ataque Robinho, do Santos, (6,65 pontos) e Edílson, do Vitória, (6,18 pontos), lideram seguidos de Washington e Dagoberto. Enquanto o Coração Valente tem 6,16 pontos, o craque Dagoberto é o quarto colocado com 6,08.

Últimas premiações

Quando foi Campeão Brasileiro, em 2001, o Atlético teve três jogadores premiados: o zagueiro Gustavo, o meia Kleberson e o atacante Alex Mineiro. Alex ainda faturou a Bola de Ouro e foi eleito o craque da competição.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…