7 out 2004 - 23h06

William lamenta ausência do contra-ataque

Um time que marca forte no meio-campo e sai em velocidade nos contra-ataques. A fórmula adotada pelo Atlético no Campeonato Brasileiro não conseguiu ser empregada no 2º tempo da partida contra o Juventude. Para o volante William, que na partida desta quarta-feira jogou improvisado na lateral-direita, a falta da ligação entre o meio-campo e o ataque permitiu que o adversário acuasse o Atlético em seu campo de defesa.

“Não conseguimos, na etapa final, empregar o nosso esquema de jogo, atuar no contra-ataque. Eles vieram com força total e não conseguimos roubar a bola. Não foi o resultado que queríamos, mas um pontinho está bom”, conforma-se o jogador.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…