27 out 2004 - 0h30

Análise do jogo Goiás 2 x 0 Atlético

A colunista do site Furacao.com, Patricia Bahr, escreve sobre a partida desta terça-feira, entre Goiás e Atlético.

Ficou Barato
por Patricia Bahr

E dizer o que sobre o jogo contra o Goiás? Estamos a quatro jogos sem vencer, com duas derrotas consecutivas na bagagem e sem muitas esperanças de melhora para as próximas rodadas. A cada partida que passa fica cada vez mais clara a Dago-dependência do time. Depois que ele saiu, nada mais deu certo.

Nesta terça-feira negra para o Furacão, devemos comemorar não ter tomado uma goleada. Por sorte nossa, eles não devolveram aqueles 6 a 0 do 1º turno. O time está perdido. Depende cada vez mais de Jadson – que a cada jogo demonstra estar menos preocupado com o time – e do oportunismo de Washington, que anda falando demais e jogando de menos. E por incrível que pareça, apesar dos 2 a 0 contra, o grande destaque do jogo no lado atleticano foi o goleiro Diego!

Contra o Goiás, apesar de admitir que houve um pouco mais de empenho do que o apresentado no sábado, faltou ainda uma dedicação plena, um algo mais. O time tem qualidade, já demonstrou isso. Não é possível que todo mundo espere a bola chegar no pé, fique vendo o adversário jogar e não tome uma atitude. É hora de mostrar o que o Atlético realmente quer no campeonato: brigar pelo título ou provar que os críticos de plantão estavam certos?

Como bem disse o colunista Juliano Ribas dias desses, o Atlético não é o líder do campeonato. Está líder. E provavelmente perca esta posição privilegiada. O que nos resta agora é torcer para que o rubro-negro carioca faça a lição que o rubro-negro paranaense não soube fazer: que vença o Santos. Só assim, continuaremos líderes. Mas, para sermos de fato o líder do Brasileiro, precisamos de muito mais bola no pé e vontade. Raça, Furação!!!!!

Ah, sobre o jogo, só um pequeno e último comentário: ficou barato!

Patricia Bahr é colunista da Furacao.com. Clique aqui para ler outros textos de sua autoria.

O conteúdo da opinião acima é de responsabilidade exclusiva de seu autor e não expressa necessariamente a opinião dos integrantes do site Furacao.com.

Entre em contato com a colunista.



Últimas Notícias