28 out 2004 - 15h28

Saiba porque Marcão não está suspenso

Antes mesmo do término da última partida do Atlético, contra o Goiás, começaram a surgir dúvidas acerca da condição de jogo do zagueiro Marcão para o jogo seguinte, contra o Internacional. Jornalistas da Sportv, emissora de televisão que transmitiu a partida, informaram que Marcão havia recebido o terceiro cartão amarela, informação também veiculada por algumas emissoras de rádios.

Desde então, a Furacao.com tem recebido e-mails de torcedores com questionamentos sobre o número de cartões recebidos por Marcão neste Campeonato Brasileiro. Diante disso, apresentamos as seguintes explicações:

1 – Marcão tem dois cartões amarelos
O zagueiro atleticano está pendurado com dois amarelos. Neste Campeonato Brasileiro, ele já levou 11 amarelos no total. Por isso, cumpriu suspensão automática pelo terceiro amarelo por três vezes. A última delas foi na partida contra o Flamengo, na Arena da Baixada.

2 – Primeiro amarelo desta série
Depois do jogo contra o Flamengo, Marcão jogou contra o Vitória e não foi advertido. O primeiro cartão amarelo recebido por Marcão nesta série foi aos 15 minutos do primeiro tempo da goleada por 5 a 0 sobre o Atlético Mineiro.

3 – A expulsão contra o Juventude
A dúvida se originou em função do ocorrido na partida contra o Juventude. Neste jogo, Marcão recebeu cartão amarelo aos 35 minutos do primeiro tempo. Aos 25 do segundo, Marcão cometeu falta na entrada da área e, como já tinha o amarelo, recebeu o segundo amarelo imediatamente seguido do vermelho. Pela expulsão, cumpriu suspensão automática contra o Paraná e, depois, foi absolvido pelo STJD.

4 – A nova regra da CBF
A partir de agosto, passou a vigorar nova regra quanto a cartões amarelos e vermelhos. A partir dessa normativa, passaram a existir diferenças entre a apresentação direta do cartão vermelho (mesmo quando o atleta já tenha recebido o amarelo) e entre a apresentação do vermelho antecedido do segundo amarelo. No primeiro caso, o cartão vermelho não exclui a contagem do amarelo mostrado anteriormente. No segundo, que foi o que ocorreu com Marcão, deixa de ser considerado o amarelo e passa a valer apenas o vermelho como punição. Na prática, é como se o atleta tivesse recebido apenas um cartão, o vermelho.

5 – O cartão contra o Goiás
Depois de cumprir contra o Paraná a suspensão pela expulsão contra o Juventude, Marcão jogou contra o Palmeiras e não foi advertido. Contra o Goiás, ele recebeu cartão amarelo aos 46 minutos do primeiro tempo. Este foi, portanto, seu segundo amarelo da série.



Últimas Notícias

Brasileiro

Cuidado!

  Foco na competição: No Brasileirão o Athletico ainda tem 11 jogos para disputar, o equivalente 33 pontos. Seis jogos em casa, cinco jogos fora.…

Notícias

O bom filho?

ANÚNCIO: Dia 01 outubro, um dia após vencer o Peñarol por 2 x 0, na Arena da Baixada e garantir presença na final da Copa…

Opinião

O Furacão voltou

Não podia ser num jogo qualquer… Nosso retorno para casa tinha que ser numa semi-final de Copa do Brasil, contra o badalado e protegido Flamengo,…