5 nov 2004 - 17h19

Roger está praticamente descartado

O meia Roger, do Fluminense, tem chances remotas de jogar contra o Atlético, no domingo. O jogador não treinou nesta sexta-feira, nas Laranjeiras, permanecendo em tratamento intensivo. De acordo com Victor Favilla, médico do clube, Roger continua sentindo dores no músculo adutor da coxa direita e tem apenas 30% de chance de entrar em campo no domingo. Favilla disse que, se Roger aparecer no clube, neste sábado, sem dores, o departamento médico esperará para ver a evolução do quadro. Caso contrário, estará automaticamente vetado.

Se Roger não jogar, Alan entrará em seu lugar. Nesta sexta-feira, ele treinou durante todo o tempo entre os titulares. Para o técnico Alexandre Gama, Alan é o jogador mais criativo do elenco depois do próprio Roger.

"Ele está aguardando uma chance, então é uma boa hora para aparecer e mostrar seu futebol", disse o treinador, que vai esperar por Roger até o último momento.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…