25 nov 2004 - 16h03

Jorge Henrique está praticamente negociado

A diretoria do Clube Náutico Capibaribe confirmou extra-oficialmente a negociação do atacante Jorge Henrique com o Atlético. A divulgação oficial do negócio deverá ocorrer nesta sexta-feira ou pode ser adiada a pedido do próprio Atlético, que está na reta final do Campeonato Brasileiro.

Apesar disso, dirigentes do time pernambucano não escondem que o negócio já foi concretizado. Através do site oficial do clube, o diretor de futebol Rubinho Barbosa confirmou que Atlético, São Paulo e São Caetano estavam interessados no jogador, mas o Furacão levou a melhor. "O Atlético foi o único clube que oficializou a proposta no Jorge. Estamos esperando para essa quinta ou sexta o fechamento do negócio", disse ele.

Agora, falta apenas definir alguns aspectos da contratação. Porém, nada afetará o negócio principal: a transferência de Jorge Henrique para o Atlético mediante o pagamento de valor em dinheiro e do empréstimo de atletas.

Na tarde desta quarta-feira, Jorge Henrique foi chamado pelo presidente Ricardo Valois e informado que seu destino em 2005 seria o Furacão. “Estou mais feliz. O presidente me passou que falta apenas um telefonema”, afirmou ele aos diários Folha de Pernambuco e Jornal do Commercio.

O que já está acertado é que o Atlético comprará 50% dos direitos federativos de Jorge Henrique, e o Náutico manterá a metade restante. O pagamento será feito em dinheiro e mediante o empréstimo de dois ou três jogadores. É justamente essa última parte que ainda será definida.

Dentre os nomes cogitados para serem envolvidos na transação estão os do zagueiro Igor e dos meias Rodriguinho, William e Fabrício. Dentre esses e outros atletas relacionados pelo Atlético, dois serão emprestados ao Náutico.



Últimas Notícias