25 nov 2004 - 20h44

Papão pode reeditar meio-campo de sucesso

O Paysandu poderá reeditar parte do meio-campo que fez sucesso na campanha do título da Série B de 2001, da Copa Norte e da Copa dos Campeões, ambos em 2002. Sandro, Lecheva e Jóbson devem formar, ao lado de Alexandre Pinho, a zona intermediária do Papão no jogo contra o Santos, domingo.

A coincidência deixou o técnico Vágner Benazi surpreso. “Ninguém me falou nada. Parece que aqui dentro do Paysandu se criou uma barreira para não se falar quem está no time. Tomara que essa seja uma boa coincidência e tomara que eles gostem, porque para jogar no meio-campo precisa gostar”, declarou o treinador.

Benazzi não esconde que tem destinado maior atenção nos treinos a este setor. Contra o Criciúma, o Papão conseguiu dominar a zona intermediária, criou várias situações de gol, mas, como definiu o treinador, só não os fez por “um aborto da natureza”. O objetivo é não permitir que o Santos, que tem um meio-campo de alta qualidade, consiga se impor e deixe o Paysandu recuado.

No jogo de ida, três dos seis gols marcados pela equipe santista foram de meio-campistas: Elano, Ricardinho e Fabinho. “Se o adversário ganhar o meio-campo, ele será vencedor em qualquer partida que seja. Nós prevíamos que a partida contra o Criciúma seria difícil, mas nós a tornamos fácil. Quero ver se poderemos fazer isso com o Santos também”, destacou.



Últimas Notícias

Notícias

Jogador de meio tempo ?

Contratado no mês de maio Mais precisamente no dia 22/05. O meia David Terans foi anunciado como o novo reforço do Athletico. O jogador pertencia ao…

Notícias|Opinião

Arquibancada

Quem me conhece há mais tempo já me ouviu dizer que “a arquibancada é que é o meu lugar”. Para além do sentido literal, do…