8 dez 2004 - 14h13

Repórter pressionou arbitragem na Arena

Durante a partida em que o Atlético goleou o São Caetano por 5 a 2, no domingo passado, ocorreu um fato inusitado. A 4a árbitra da partida, Sueli Terezinha Tortura, viu um copo cair da mão de um dos integrantes do banco de reservas do Atlético, durante a comemoração do segundo gol rubro-negro.

A ocorrência irrelevante sequer seria anotada na súmula. Mas o repórter de campo da TV Record, Fábio Lucas Neves, filho do apresentador Milton Neves, imediatamente começou a pressionar a arbitragem para relatar o fato. Segundo a quarta árbitra, ele afirmou que as câmeras da televisão haviam filmado o copo vindo da torcida e as imagens seriam mostradas para todo o país.

Mais tarde, ainda na Arena da Baixada, um dos auxiliares chegou a receber um telefonema de um dirigente da Federação Sul-Matogrossense, reforçando a ameaça do repórter. O árbitro Elvécio Zequetto relatou fielmente o fato, conforme testemunho da 4a árbitra.

No domingo à noite, o programa Terceiro Tempo da TV Record exibiu as imagens e reconheceu que elas não mostravam nenhum copo sendo atirado no gramado.



Últimas Notícias