20 dez 2004 - 1h00

Levir Culpi participou do Camisa 12

O técnico Levir Culpi participou neste domingo à noite do programa Camisa 12, da Rede Paranaense de Comunicação, e falou sobre o jogo realizado ontem entre Atlético e Botafogo, fez um balanço da participação da equipe no Campeonato Brasileiro e do confronto contra seu ex-clube.

Levir, que despertou interesse do Cruzeiro, afirmou que hoje vai se reunir com a diretoria atleticana para definir o seu destino. Confira alguns trechos da participação do treinador no programa Camisa 12:

Balanço
“Fizemos um grande campeonato, que foi muito difícil. Chegamos a ficar invictos 18 partidas e agora, nas últimas oito nós ainda tínhamos que vencer seis jogos. Vencemos cinco, empatamos duas e perdemos uma. Até hoje nós tínhamos a melhor campanha. Fizemos uma temporada brilhante. Essa reta final foi muito emocionante, apesar de não termos retribuído com o título que era o nosso objetivo. Mas ficamos muito próximos. Todos os jogadores estão de parabéns, todos os profissionais que trabalharam nesta campanha”.

Jogo
“O jogo foi emocionante. Nós sabíamos disso porque de acordo com o marcador, o placar lá em São Paulo, isso torna um incentivo, essa parte emocional. Quando o Santos fez logo um gol lá, ficou aquela situação. Nós tivemos muitas oportunidades, muitas chances mesmo. Talvez o nervosismo tenha atrapalhado um pouco os jogadores nesses dois últimos jogos. Aquele lance do Washington foi incrível. Foi um jogo muito interessante, a parte emocional. Mas acho que terminou tudo bem”.

Torcida
“O final foi mais emocionante ainda, porque foi um reconhecimento pelo nosso trabalho. Só quem participou lá dentro sabe realmente das nossas dificuldades que tivemos para trazer o clube até o final. Foram inúmeras situações que passamos durante a campanha. Tivemos algumas decepções, o time começou assim, perdeu o paranaense e as duas primeiras partidas do Brasileiro. O time conseguiu dar muitas voltas por cima”.

Botafogo
“Não tem como explicar essas circunstâncias que envolvem o futebol, em jogar o último jogo do Brasileiro contra o Botafogo. Eu fiz as duas primeiras partidas no campeonato com eles. Para mim acabou tendo um final feliz. Tivemos ainda aquele jogo no primeiro turno, onde era o Centenário deles. Então são situações que só o futebol nos proporciona”.

Permanência
"Amanhã (hoje) vou ter uma conversa com a diretoria do Atlético para definir a minha situação, até para dar um fim nessa polêmica toda."

Agradecimentos
"É hora de fazer um agradecimento especial a todos que participaram desta campanha, nos apoiaram e incentivaram, torceram por nós com muita alegria. É um momento de pleno agradecimento. Agora é pensar pra frente, temos a Libertadores".



Últimas Notícias

Notícias

Jogador de meio tempo ?

Contratado no mês de maio Mais precisamente no dia 22/05. O meia David Terans foi anunciado como o novo reforço do Athletico. O jogador pertencia ao…

Notícias|Opinião

Arquibancada

Quem me conhece há mais tempo já me ouviu dizer que “a arquibancada é que é o meu lugar”. Para além do sentido literal, do…