1 jan 2005 - 14h39

Fernandinho quer brilhar na seleção

“Quero fazer história na Seleção Brasileira”. A frase é do meia atleticano Fernandinho e revela um dos objetivos do jogador para este ano de 2005. Aos 19 anos de idade, o atleta vice-campeão Brasileiro é considerado uma das maiores revelações do Atlético em 2004. Ao lado do também atleticano Evandro, ele está concentrado com a Seleção Brasileira Sub-20, que se prepara para a disputa do Sul-Americano da categoria.

A determinação e a vontade de vencer do atleticano é uma das características mais marcantes de todo o grupo. Para Fernandinho, o esforço de passar a virada do ano longe da família, concentrado, vale a pena. “Ninguém está pensando em festa. Eu não estou aqui treinando só para vestir a camisa amarela. Quero fazer história na Seleção Brasileira”, disse.

Fernandinho parece estar seguindo o mesmo caminho de sucesso de outro atleticano que brilhou com a amarelinha, o pentacampeão Kleberson, primeiro paranaense, atuando por uma equipe do estado, a disputar uma Copa do Mundo. Assim como o pentacampeão, ele desembarcou no CT do Caju como destaque do PSTC, de Londrina, sua cidade natal. Pela equipe do norte do estado, foi artilheiro no Campeonato Paranaense de Juvenis, em 2002, e considerado o melhor jogador do torneio, chamando atenção da cúpula atleticana. Foi contratado pelo Atlético no mesmo ano e, após uma curta temporada no time de juniores (quando foi Campeão Paranaense), foi promovido para o grupo principal pelo técnico Osvaldo Alvarez.

Sua estréia com a camisa principal do Rubro-negro foi no jogo contra o Criciúma, na 6ª rodada do Brasileirão de 2003. E ele estreou com o pé direito, marcando um golaço, o último na goleada por 5 a 2 contra a equipe catarinense. A partir daí, começou a figurar no banco de reservas, sendo utilizado com freqüência nas partidas. Em 2004 firmou-se como uma das principais peças do Furacão, sendo peça importante na conquista do vice-campeonato Brasileiro. Pela Seleção, Fernandinho foi Campeão Mundial Sub-20 em 2003 (ao lado do também atleticano Dagoberto), marcando o gol do título verde-amarelo.

O futuro promissor parece ter contagiado inclusive o técnico da Seleção Sub-20, Rene Weber, que aposta ver seus atuais pupilos no mundial de 2010. “Essa seleção tem muita qualidade. Os jogadores sabem também que têm aqui uma grande oportunidade para chegar longe na carreira. No caso, o privilégio de disputar o Pan 2007, um ano depois a Olimpíada, para culminar com a Copa do Mundo de 2010, quando a maioria terá 25 anos. E eles têm demonstrado que vão brigar muito para conseguir esses objetivos”, disse o treinador.

Fonte: CBF News



Últimas Notícias

Notícias

Jogador de meio tempo ?

Contratado no mês de maio Mais precisamente no dia 22/05. O meia David Terans foi anunciado como o novo reforço do Athletico. O jogador pertencia ao…

Notícias|Opinião

Arquibancada

Quem me conhece há mais tempo já me ouviu dizer que “a arquibancada é que é o meu lugar”. Para além do sentido literal, do…