12 jan 2005 - 9h11

Manchetes atleticanas desta quarta-feira

Técnico ainda "indefinido"
A viagem do presidente do conselho deliberativo do Atlético, Mário Celso Petraglia, a São Paulo, deflagrou a especulação de que o Furacão já teria fechado com o treinador que irá comandar a equipe na Libertadores e no Brasileiro. O dirigente teria ido à capital paulista para definir os últimos detalhes o eleito, que é mantido em sigilo. [Leia mais].

 

Casemiro é mais um nome para técnico do Atlético
Será que agora vai? Com tantos nomes sendo riscados da lista de treinadores pretendidos pelo Atlético, a solução para o comando do time na Copa Libertadores da América pode vir de Portugal. Com os altos salários pedidos por argentinos e outros brasileiros, que estão atuando no Brasil, Casemiro Mior passa a ser a bola da vez para acertar com o Rubro-Negro para o torneio internacional. O ex-lateral-esquerdo do Grêmio está se despedindo do Nacional da Ilha da Madeira e poderia assinar contrato com o Furacão até sexta-feira. [Leia mais].

 

Atlético apresenta seu “Roberto Carlos”
Já que não dá para trazer o galáctico, a diretoria do Atlético optou por uma versão genérica do pentacampeão Roberto Carlos. O lateral-esquerdo colombiano, Vladimir Marín, 25 anos, apelidado pela imprensa boliviana de Roberto Carlos devido à sua semelhança física (inclusive na careca) com o ala brasileiro foi apresentado ontem pelo Furacão. Marín, que é titular da seleção colombiana e defendia o Jorge Wilstermann da Bolívia desde 2002, veio por empréstimo e assinou contrato de um ano com o Rubro-Negro, com opção de compra após o término do compromisso. [Leia mais].

 

Colombiano Marín reforça o Furacão
O lateral esquerdo colombiano Vladimir Marín, ex-Jorge Wilstermann, da Bolívia, foi apresentado, nesta terça, como reforço do Atlético-PR. Marín é o segundo jogador estrangeiro contratado pelo Furacão para a disputa da Copa Libertadores da América. O primeiro foi o zagueiro panamenho Baloy, ex-Grêmio. [Leia mais].

 

Atlético apresenta o lateral colombiano Marín
Somando elogios à estrutura do Atlético e e revelando a alegria de jogar em “um dos maiores times do Brasil” , o segundo reforço internacional do Atlético foi apresentado ontem. O lateral-esquerdo colombiano Vladimir Marín, 25 anos, chega trazendo no currículo a experiência de uma Libertadores e comparações com o “galático” Roberto Carlos. [Leia mais].

 

Atlético confirma Marín e pode acertar com Gallego
O Atlético continua em busca de reforços para a Libertadores da América e ontem confirmou o empréstimo do lateral-esquerdo colombiano Marín. O atleta é a segunda contratação vinda de países vizinhos, após o acerto com o zagueiro panamenho Baloy, e o Furacão deve ainda negociar com mais um hermano, desta vez o tão esperado treinador. [Leia mais].

 

Atlético apresenta gringos Baloy e Marín
O Atlético-PR, vice-campeão brasileiro em 2004, apresentou ontem oficialmente o zagueiro panamenho Baloy (ex-Grêmio) e o lateral-esquerdo colombiano Vladimir Marín (ex-Jorge Wilsterman-BOL). [Leia mais].

 

Atlético já tem sotaque para a Copa Libertadores
A língua é um elemento importante na disputa do torneio intercontinental. Exceção feita aos jogos entre clubes brasileiros, quando a arbitragem pode ser nacional, as demais partidas são todas conduzidas por árbitros da América Latina. Todos, incluindo os auxiliares, “hablan espanhol”, o que costuma ser uma dificuldade para as equipes brasileiras. Com Baloy e Marín em campo, esta barreira pode ser superada. [Leia mais].

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Obrigado, Alberto!

Alguns vão julgar, “Cedo demais”… Mas para mim, já Deu!!!! Alberto Valentim: O LATERAL DIREITO, jamais será esquecido e estará entre os maiores camisas 2…