27 jan 2005 - 0h29

Jogadores reclamam da arbitragem

A atuação do árbitro Francisco Carlos Vieira na partida contra o ACP foi criticada pelos jogadores do Furacão. A principal reclamação foi com a marcação do pênalti, aos 31 minutos do 2º tempo, que originou o gol de empate dos donos da casa. Na confusão na área, o árbitro viu um toque de mão na bola do zagueiro Alessandro Lopes. Mas o próprio jogador desmentiu o lance: “eu assumo que não cometi o pênalti. Amanhã ele vai ver na televisão que a bola pegou no meu rosto”, garantiu.

Quem também saiu de campo reclamando da marcação do pênalti foi o atacante Jorge Henrique. “O juiz atrapalhou a gente, deu um pênalti que não foi, agora temos que trabalhar para vencer em casa”, disse.



Últimas Notícias