27 jan 2005 - 0h22

Lio Evaristo não ganhou pela primeira vez

O técnico Lio Evaristo saiu de campo pela primeira vez sem vencer o adversário. A trajetória dele no comando Rubro-negro começou em 2003, quando dirigiu o time que ganhou da Portuguesa Londrinense, no interior do Estado, por 1 a 0. Depois da partida Oswaldo Alvarez reassumiu o Furacão e Lio retornou aos juniores.

Na sua segunda passagem no comando atleticano, Lio foi o responsável pela primeira vitória do Furacão no Brasileiro do ano passado. Em Belém do Pará o time fez 3 a 0 no Paysandu. Recém-contratado pelo clube, Levir Culpi viu a partida das arquibancadas e convocou Lio para ser auxiliar-técnico, ao lado de Nilson Borges e Tico.

Mais uma volta

O retorno de Lio no comando técnico veio agora no começo de 2005. Com o time considerado titular se preparando para a Copa Libertadores, restou a ele a missão de comandar os jogadores no Campeonato Paranaense. Nas duas primeiras rodadas o Atlético venceu o Império do Futebol (2 a 1) e o Francisco Beltrão (2 a 0).

Só nesta quarta-feira Lio Evaristo foi sentir o gosto de não vencer uma partida como profissional. Em Paranavaí o time acabou empatando com o ACP pelo placar de 1 a 1. No próximo sábado ele deverá voltar a ser auxiliar-técnico, já que Casemiro Mior tem a intenção de dirigir o time contra o Iraty.



Últimas Notícias