10 fev 2005 - 11h29

Opinião de Rogério Andrade

Dúvida
por Rogerio Andrade

Hoje tem Atlético na Arena. Teoricamente, mais três pontos e a liderança, palavra que está virando rotina na vida do torcedor atleticano. Até agora o Atlético não convenceu, enche de mistério a cabeça de seus torcedores e cria um clima tenso dias antes da estréia na Libertadores.

Exatamente por isso é que escrevo hoje. Quando o Atlético entrar em campo e der a largada para vencer o Malutrom, o atleticano estará ansioso nas arquibancadas esperando por, no mínimo, uma boa apresentação e um futebol convincente. Isso mesmo, o Atlético de hoje a noite deverá ter um poder de persuasão, para que o seu torcedor respire aliviado e consiga manter bem acesas as esperanças para o início na Libertadores da América.

O que não pode acontecer é o torcedor sentir uma incógnita na cabeça de Casemiro Mior. Estou me referindo a uma provável escalação de Fabrício para iniciar o jogo contra o Malutrom. Está praticamente certa a escalação de Evandro, embora alguns jornais locais ainda afirmem que existe a dúvida do técnico. Já ocorreu contra o Londrina, e para Fabrício não sair vaiado de campo, terá que superar seus próprios limites. Já provou que não consegue, e também já provou que não é um jogador com a característica atleticana. Pode ser que ele mesmo mude essa história, afinal somente dele depende, mas creio ser muito difícil, simplesmente por Fabrício ser um jogador limitado.

Desta forma, a lógica deverá levar Casemiro a escalar Evandro, jogador rápido com características importantes para a função no meio campo. Se isto não acontecer, deverá ser motivo de muita preocupação para o torcedor, pois ficará provado que Mior não conhece o seu elenco, e conseqüentemente, estará ignorando a lógica do futebol.

Entre em contato com o colunista.



Últimas Notícias