20 fev 2005 - 16h35

Bateu na rede é gol

Pela primeira rodada do returno do Campeonato Paranaense, o Atlético entrou em campo para enfrentar o lanterna da competição, o Império do Futebol. Muitos esperavam uma avalanche do Rubro-negro para cima do adversário, mas o que se viu foi um time atleticano perdido em campo e que dava muito espaço para o Império.

Foi exatamente o oposto da partida contra o Independiente Medellín, quando o Furacão marcava o adversário em seu campo de defesa. E, atuando dessa forma, não demorou muito para que o Império abrisse o placar. Logo em seu primeiro ataque saiu o gol de Rodrigo, numa cabeçada dentro da área.

Nem mesmo o gol acordou o Atlético. O Império continuou mandando na partida e chegou ao segundo gol numa falha geral da zaga. Viola recebeu livre dentro da área e só teve o trabalho de chutar na saída do goleiro Tiago. Decepção total na Arena, que não poupou os jogadores atleticanos, principalmente Lima.

Somente aos 33 minutos o Rubro-negro conseguiu marcar seu primeiro gol. Jorge Henrique cobrou falta perto da marca escanteio e na sobra Baloy bateu bem de direita, marcando um belo gol, o primeiro do panamenho no Atlético. Após o gol o Furacão esboçou uma reação, mas quem teve a melhor chance acabou sendo o Império, aos 44, quando Tiago salvou o gol atleticano mais uma vez.

Na segunda etapa, a partida conseguiu o que parecia impossível, ficou ainda pior. Os mais de 5 mil torcedores que compareceram à Arena da Baixada presenciaram um festival de passes errados e jogadas bizarras. Casemiro Mior tentou mudar a equipe ao colocar Jancarlos e Marín, tirando Lima e André Rocha. No entanto, as trocas não surtiram efeito e o torcedor sofreu.

O Atlético até tentou tomar conta da partida, mas de nada adiantava ter maior posse de bola e pouco fazer no ataque. Denis Marques e Jorge Henrique tiveram atuações muito fracas e abusaram nas chances perdidas. Denis Marques tentava driblar o time inteiro do Império, enquanto Jorge Henrique mal conseguia parar em pé.

Aos 22 minutos, Mior resolveu sacar Rodrigo Souto para a entrada de William e sofreu com a pressão da torcida. O treinador foi bastante criticado e chegou a ser chamado de burro pelos torcedores. Mas, para sorte do Atlético, foi William o protagonista do fato inusitado da partida.

Quatro minutos depois de ter entrado, William escorou o cruzamento de Jorge Henrique e a bola bateu na rede. A torcida atleticana e alguns jogadores comemoraram. O árbitro José Francisco de Oliveira assinalou o gol. No entanto, a bola não entrou e gerou muita confusão na Arena, pois, indignados, os jogadores do Império partiram para cima do árbitro.

A partida ficou paralisada por alguns minutos, mas a decisão do juiz permaneceu. Com o 2 a 2 no placar, as duas equipes reduziram o ritmo, ainda abalados pelo ocorrido. O jogo só terminou aos 50 minutos sob os gritos de “juiz” pela torcida atleticana.

O resultado negativo tirou a liderança isolada do Atlético, que agora está com 15 pontos ao lado de Francisco Beltrão e Iraty, mas com saldo de gols inferior ao Francisco Beltrão, que será o próximo adversário da equipe, nesta quarta-feira, no interior do Estado.

Confira os melhores lances do jogo
1º tempo
03’ – Pressão do Atlético com Denis Marques após escanteio
07’ – Baloy alivia o perigo e manda para escanteio
08’ – Rodrigo cabeceia sozinho e abre o placar na Baixada
09’ – André Rocha bateu falta direta
12’ – Denis Marques acertou duas na trave, uma de cabeça e outra de direita
15’ – Rodrigo Souto bateu forte de fora da área e quase faz um golaço
17’ – Contra-ataque perigoso do Império e Alan Bahia tirou para escanteio
18’ – Viola recebeu dentro da área e tocou na saída de Diego. 2 a 0 Império
20’ – Pressão total do Império, Baloy salva mais uma vez o Atlético
26’ – Erick arrancou pela esquerda e bateu cruzado para a defesa de Tiago
27’ – Rodrigo Souto arriscou de longe e mandou para a galera
28’ – Fabrício mandou um petardo de fora da área que estourou no travessão
29’ – Tiago fez boa defesa no chute de longa distância do Império
31’ – Tiago salva mais uma vez na bobeada da zaga dentro da área
32’ – Cocito foi lançado pela direita e sofreu falta quando entrava na grande área
33’ – Jorge Henrique bateu falta da esquerda e no rebote Baloy fez um belo gol
35’ – Fabrício tentou de bicicleta e quase empata a partida
44’ – Tiago fez duas boas defesas no ataque perigoso do Império

2º tempo
06’ – Marin deixou Denis Marques na cara do gol, mas o atacante chutou para fora
11’ – Denis Marques quase marca em cobrança de escanteio
12’ – Jancarlos recebe dentro da área de Fabrício e chuta forte, mas por cima do gol
14’ – Baloy bateu de fora da área, mas longe do gol
15’ – Jancarlos deixou Denis Marques e Alan Bahia dentro da área, mas nenhum aproveitou
16’ – Ronaldo cabeceou livre dentro da área e Tiago fez excelente defesa
26’ – Jorge Henrique chutou cruzado e William escorou para o gol
38’ – Jorge Henrique entrou sozinho na área, mas demorou para chutar e a zaga tirou
39’ – William cabeceou no travessão depois da cobrança de escanteio
43’ – Jancarlos chutou forte e o goleiro fez boa defesa
44’ – Marin arriscou de longe, mas sem força
45’ – Pressão do Atlético nos escanteios de Fabrício, mas sem muito perigo

8ª rodada – Paranaense – (20/02/05) – Atlético 2 x 2 Império
L: Arena da Baixada; H: 16h; A: José Francisco de Oliveira (PR); CA: Elvis (11′), Daniel (15′), Robson (32′), Baloy (63′), Edu, Viola (86′) e Paulo Henrique (90+5′); P: 5.033; R: R$ 47.137,00; G: Rodrigo, aos 8, Viola, aos 18, e Baloy, aos 33 do 1°; William, aos 26 do 2°.

ATLÉTICO: Tiago Cardoso; André Rocha (Jancarlos int), Baloy, Cocito, Marcão e Fabrício; Alan Bahia, Rodrigo Souto (William 67′) e Lima (Marín int); Jorge Henrique e Denis Marques. T: Casemiro Mior.

IMPÉRIO: Talis; Viola, Daniel, Rodrigo (Edu int) e Igor; Elvis, Paulo Henrique, Robson e Jaci; Eric (Kanu 85′) e Ronaldo Capixaba. T: Celso Tadeu.



Últimas Notícias

Opinião

Passo a passo

O mundo anda acelerado demais. Era um processo que já vínhamos passando mas parece que se acelerou no período pós pandemia, pois todo mundo parece…

Brasileiro

Empate com gosto amargo

Na última partida do domingo (18), Athletico e Cuiabá se enfrentaram pela 27ª rodada do Brasileirão no Joaquim Américo diante de pouco mais de 17…