2 jun 2005 - 15h18

Atleticano Waldemar Niclevicz chega ao cume do Everest

Na madrugada desta quinta-feira, apenas algumas horas depois da heróica vitória do Atlético sobre o Santos por 3 a 2 nas quartas-de-final da Libertadores, um torcedor atleticano atingiu um feito histórico. O alpinista Waldemar Niclevicz chegou ao cume do monte Everest, a montanha mais alta do mundo e uma das mais difíceis de se escalar. Foi apenas a segunda vez que alpinistas brasileiros conseguiram o feito. O primeiro a chegar ao ponto mais alto do mundo foi o próprio Niclevicz, em 1995.

Para comemorar os 10 anos da conquista, o atleticano Niclevicz programou uma nova expedição. Na companha de Irivan Gustavo Burda, a "Everest 10 anos" consumiu 73 dias e muitas dificuldades. Nesta quinta, os dois cumpriram a meta e chegaram no ponto mais alto do Everest (8.848 m).

Incomunicáveis

Waldemar e Irivan ainda estão sem comunicação com o Brasil, mas deverão retornar em breve para acampamentos em que poderão finalmente fazer contato e fornecer mais dados e fotos sobre a conquista. A expedição tem cobertura especial do site Terra (clique aqui para saber mais).



Últimas Notícias

Brasileiro

Libertadores, estamos chegando!

Na Arena da Baixada, o Athletico enfrentou o Botafogo pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2022. Dependendo somente das suas forças para garantir presença…