21 jun 2005 - 22h43

Chivas adota o mesmo discurso do Santos

Adversário do Atlético nas semifinais da Copa Libertadores da América, o Chivas Guadalajara parece ter adotado o mesmo discurso do Santos nas vésperas do jogo decisivo contra o Rubro-negro. Se na última semana a imprensa brasileira deu grande destaque às convocações de Robinho e Léo para a Copa das Confederações, agora é a vez dos mexicanos reclamarem.

De acordo com o presidente do Chivas, Jorge Vergara, o técnico da seleção mexicana, Ricardo Lavolpe, havia prometido não atrapalhar o clube na competição continental. "Lembro a Lavolpe que tínhamos um trato e ele não cumpriu. O Chivas sempre cumpriu suas promessas", afirmou o empresário.

Cinco jogadores do Chivas foram convocados para a seleção mexicana para a disputa da Copa das Confederações: os goleiros Oswaldo Sanchez e Jesús Corona, o zagueiro Salcido, o meia Ramón Morales e o atacante Alberto Medina. O atacante Bravo também estava relacionado para a seleção, porém uma contusão acabou tirando o atleta do grupo que está na Alemanha.



Últimas Notícias

Opinião

Passo a passo

O mundo anda acelerado demais. Era um processo que já vínhamos passando mas parece que se acelerou no período pós pandemia, pois todo mundo parece…