21 jun 2005 - 16h56

Clube responde torcedor que escreveu sobre ingressos

O torcedor atleticano Felipe Daniel Brunetta, de 27 anos, escreveu nesta segunda-feira um texto para o Fala, Atleticano, da Furacao.com, relatando a confusão ocorrida durante a venda de ingressos para o jogo contra o Chivas no quiosque do Atlético no Shopping Estação. "Para a surpresa geral, quando abriu o Shopping, fomos todos ao quiosque, que não tinha um ingresso para vender", disse Brunetta, que é empresário em Curitiba. O torcedor também encaminhou um e-mail para a Furacao.com relatando o ocorrido. Nossa equipe retransmitiu a mensagem para o setor responsável do Atlético.

Nesta terça-feira, Felipe voltou a entrar em contato com nossa equipe para relatar que recebeu uma resposta do Atlético. "Ligou-me a Tatiana, do marketing do Atlético, ontem mesmo, logo depois que passei o e-mail para o Furacao.com. Ela me ouviu e comentei com ela tudo o que vi lá no Shopping Estação", disse o empresário.

De acordo com o torcedor, a funcionária informou que o clube apurará o ocorrido e tomará as medidas adequadas a fim de evitar que problemas como esse voltem a ocorrer nos próximos jogos. Pelo Estatuto do Torcedor, o Atlético é obrigado a comercializar ingressos em pelo menos cinco pontos. De acordo com o clube, às vezes é difícil fiscalizar o que ocorre nas vendas nos outros postos além das bilheterias da Arena. "Fui muito bem tratado. O marketing do Furacão está funcionando bem pacas", concluiu Felipe.



Últimas Notícias

Brasileirão A1|Opinião

NEM 8, E NEM 80

O título do que será relatado abaixo, resume muito o sentimento desse ilustre torcedor quem vos escreve.   Na noite de ontem o Furacão entrou…