27 jun 2005 - 22h14

Chivas não poderá contar com atacante Bofo Bautista

O Chivas Guadalajara não poderá contar com seu atacante Bofo Bautista para o jogo de quinta-feira contra o Atlético, no Estádio Jalisco, pela semifinal da Copa Libertadores da América. Bautista é um dos principais jogadores do time mexicano e considerado o principal ídolo da torcida alvirrubra. No entanto, ele foi expulso na partida de volta contra o Boca Juniors, pelas quartas-de-final, e foi suspenso preventivamente pela Conmebol.

Nesta segunda-feira, a entidade sul-americana confirmou que Bofo permanece suspenso e está inabilitado para participar do jogo da quinta-feira. Os mexicanos receberam a notícia com "incredulidade" – expressão utilizada largamente pela imprensa esportiva de Guadalajara. "É uma injustiça", comentou Adolfo Bautista, o Bofo. O atacante acredita que sua suspensão seja uma medida da Conmebol pelo fato de o Chivas ter eliminado o Boca Juniors.

O técnico Benjamin Galindo ficou inconformado com a notícia. Nesta segunda, ele comandou um treinamento e havia escalado Bofo na equipe titular. "Não pode ser, não pode ser. Em um torneio tão importante não podem acontecer coisas como essa. Bofo é um jogador muito importante e é uma lástima. Uma lástima, realmente. Creio que devemos fazer pressão aqui e hoje eu o utilizei, pois pensei que ia poder contar com ele. Mas agora que estão me contando isso creio que temos de fazer algo. Não é justo que façam o que querem. Acho que se fosse com um time não mexicano, isso já estaria resolvido", afirmou ele.



Últimas Notícias

Brasileiro

Libertadores, estamos chegando!

Na Arena da Baixada, o Athletico enfrentou o Botafogo pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2022. Dependendo somente das suas forças para garantir presença…