1 jul 2005 - 12h00

Lima e Rogério Ceni lutam pela artilharia

O atacante Lima, do Atlético, e o goleiro Rogério Ceni, do São Paulo, com seis e cinco gols respectivamente, ainda tem chances de levar o prêmio de artilheiro da Copa Libertadores da América 2005.

Lima foi o destaque do Atlético no empate por 2 a 2 entre sua equipe e o Chivas, na partida de volta das semifinais da Libertadores, ao marcar os dois gols dos brasileiros. Tanto Lima como Rogério Ceni se mantêm na disputa e ainda têm pela frente os dois jogos da final, a partir da próxima quarta-feira.

Ao lado de Lima está Ernesto Farías, do River Plate, que marcou um dos dois gols de sua equipe na derrota para o São Paulo por 3 a 2, que marcou a eliminação dos argentinos da competição.

O líder da artilharia é o paraguaio Santiago Salcedo, do Cerro Porteño, que saiu nas oitavas-de-final, eliminado pelo Atlético. Salcedo tem nove gols, dois a mais que o mexicano Omar Bravo, do Chivas, eliminado nesta quinta-feira.



Últimas Notícias

Opinião

Passo a passo

O mundo anda acelerado demais. Era um processo que já vínhamos passando mas parece que se acelerou no período pós pandemia, pois todo mundo parece…