4 jul 2005 - 16h34

Inter ainda não recebeu formalização

O primeiro jogo da final da Libertadores deve mesmo ocorrer na próxima quarta, às 21h45min, no Beira-Rio. O Inter só espera um documento da Conmebol oficializando a decisão: o que deve ocorrer na tarde desta segunda, dia 4. O vice de administração do clube, Giovanni Luigi, diz que todas as medidas estão sendo tomadas para o estádio receber a decisão.

– Conversei hoje (segunda) com o presidente Fernando Carvalho. Ele está na sede do Clube dos 13, em Porto Alegre, tratando de outros assuntos e também desse assunto. Estamos trabalhando paralelamente como se fosse ocorrer o jogo – declarou Luigi.

Caso se confirme o jogo no Beira-Rio, o inter terá direito a um percentual líquido sobre a renda, livre de despesas – que ficam por conta do Atlético-PR.

A Conmebol escolheu o Beira-Rio porque o estádio do Atlético-PR não comporta a capacidade mínima exigida para finais de Libertadores: 40 mil torcedores. O Atlético-PR – que iniciou uma reforma de última hora para ampliar a capacidade da Arena da Baixada – ainda tenta reverter a decisão. 

O diretor da comissão técnica da Conmebol, Hildo Nejar, diz que a última informação que recebeu da entidade confirmava o jogo em Porto Alegre. Ele ressaltou no entanto que "tudo é possível de acontecer", porque o governador do Paraná estaria pressionando para que a partida ocorresse em Curitiba.



Últimas Notícias

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…