13 set 2005 - 9h18

Manchetes atleticanas desta terça-feira

A temporada deste ano nem terminou, o time ainda precisa se livrar do rebaixamento, mas o Atlético já vai projetando a equipe para 2006. Além da busca por contratações, como Cristian e Moreno – a serem apresentados hoje, o clube está renovando os contratos de seus principais jogadores. Nos últimos dias, o zagueiro Danilo, o volante Marcus Winícius e o meia Evandro prorrogaram o vínculo com o Furacão por mais cinco anos.

 

O Furacão teve uma boa recuperação após a disputa da Libertadores. Saiu da lanterna para a 15.ª posição e voltou a cair. Perdeu duas posições após a derrota para o Corinthians e viu a zona de rebaixamento – o grande medo do clube que fala abertamente em tornar-se o maior das Américas nos próximos dez anos – ficar a apenas três pontos de distância.

 

O volante Cristian, do Paulista de Jundiaí (SP), pode se apresentar ao Atlético-PR nesta terça-feira. O jogador chegou à capital paranaense nesta segunda-feira para assinar o contrato.

 

Jogar longe da torcida tem feito toda a diferença para o Atlético no Campeonato Brasileiro de 2005. No último domingo, quando perdeu para o Corinthians, em São Paulo, o time chegou à oitava derrota fora de casa na competição.

 

De acordo com matemáticos, o Atlético estará livre do rebaixamento caso chegue aos 51 pontos. Para isso, a equipe precisa vencer sete dos próximos 17 compromissos no Brasileirão. Teoricamente, a missão não parece ser tão difícil, no entanto, o retrospecto demonstra a dificuldade em obter a pontuação, já que o Furacão conseguiu apenas oito triunfos nas 25 rodadas anteriores.

 

Para o goleiro Diego, além de aplicação tática, o Furacão precisa mostrar em campo a mesma determinação do Corinthians se quiser se afastar do descenso. "Os jogadores deles não se entregaram em nenhum momento. Nos acréscimos, eu via o Tevez correndo por todos os lados. A maneira como o Corinthians se comportou é um exemplo", avaliou.

 

O Atlético que se cuide porque a segundona é logo ali. A derrota para o Corinthians por 2 X 0, no domingo, fez com que o time da Baixada se aproximasse perigosamente da zona de rebaixamento, zona essa que o clube já freqüentou durante várias rodadas do primeiro turno.

 


Últimas Notícias

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…