2 out 2005 - 23h22

Evaristo aprova até os erros do Atlético

O técnico Evaristo de Macedo aprovou até os erros do Atlético no jogo deste domingo, em que o Furacão derrotou o Flamengo por 2 a 0 na Kyocera Arena. Na estréia do treinador, o time voltou a vencer no Campeonato Brasileiro e chegou aos 36 pontos na competição.

Durante sua primeira entrevista coletiva como técnico do Atlético em 2005, Evaristo filosofou. "No futebol, não existe perfeição. Os erros, às vezes, são admissíveis", disse. Satisfeito com o resultado, o treinador pareceu demonstrar que não quer exigir tanto da equipe quanto os seus interlocutores pretendiam. "No começo nós tivemos algumas dificuldades, principalmente nas bolas aéreas e no meio de campo, mas depois o time melhorou o posicionamento e conseguimos os gols", resumiu.

O treinador também afirmou que o Atlético é uma equipe competitiva, característica importante no futebol atual. Ele admitiu que a equipe demonstrou algumas falhas no sistema defensivo e prometeu corrigi-las para a próxima partida, contra o Fortaleza.

Dagoberto

Sobre o retorno do atacante Dagoberto, Evaristo deixou claro que há de ter cautela para a escalação do jogador, recuperado de uma grave lesão. Dago participou de 21 minutos do jogo contra o Flamengo, mas a titularidade deverá demorar mais algumas rodadas.

"A vontade é uma coisa que às vezes não traz o resultado esperado. O Dagoberto ficou muito tempo parado. A lesão anterior não me preocupava porque ele já está totalmente recuperado, mas eu me preocupava com uma nova lesão. A grama aqui já é rápida e ele ia fazer um grande esforço, então ele podia sentir alguma coisa", declarou.



Últimas Notícias