6 out 2005 - 11h09

Manchetes atleticanas desta quinta-feira

Ele faz a diferença. Dagoberto foi apenas uma das surpresas preparadas por Evaristo de Macedo e sob a batuta do craque, o Atlético disparou uma goleada histórica sobre o Fortaleza (4×1), em pleno Estádio Castelão. A primeira vitória no Ceará coloca o Furacão na zona de classificação à Copa Sul-Americana e o novo treinador mantém 100% de aproveitamento.

 

Bastaram duas rodadas sob o comando de Evaristo de Macedo – e a anulação de 11 jogos do Nacional – para o time deixar de lado o temor do rebaixamento e começar a flertar com o topo da tabela. Com duas vitórias seguidas, atingiu os 39 pontos e chegou à décima posição no Brasileiro, nove pontos acima da zona de perigo.

 

O Atlético-PR precisou de seis minutos para derrotar o Fortaleza por 4 a 1, na noite desta quarta-feira, no Castelão, pela 30ª rodada do Brasileirão. Dos 27 minutos até os 33 do primeiro tempo, Alan Bahia, Danilo e Dagoberto marcaram três gols. No segundo tempo, Lúcio perdeu um pênalti para o Fortaleza, que diminuiu com gol de Alex Afonso. No final, Finazzi fez o quarto.

 

O Atlético alcançou ontem sua melhor posição no Campeonato Brasileiro 2005. Com a vitória sobre o Fortaleza, por 4 a 1, o time subiu da 14ª para a 10ª colocação e, pela primeira vez no ano, entrou na zona de classificação para a Copa Sul-Americana — do 5º ao 11º colocado.

 

Foi uma quarta-feira para ser guardada na memória. O Atlético deu uma surra no Fortaleza, em pleno Castelão (4 x 1), já alcançou a zona de classificação para a Copa Sul-Americana e, de quebra, ultrapassou o Coritiba pela primeira vez no Campeonato Brasileiro, pois foi aos 39 pontos.

 


Últimas Notícias

Brasileirão A1

Até empatar!

Pela nona rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 1 x 1 Anderson Daronco. Como já esperado, o jogo seria bastante brigado e equilibrado. O desequilíbrio…

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…

Opinião

O paradoxo de Cuca

Há motivos para se gostar de Cuca, não necessariamente pelo o que tem feito aqui, mas pelo seu histórico vencedor, estando claramente na prateleira de…

Brasileirão A1

Mais do mesmo…

Pela sétima rodada do Brasileirão, no Presidente Vargas, Fortaleza 1 x 0 Athletico. Se a dificuldade técnica do time do Athletico já era esperada para…