30 out 2005 - 20h34

Márcio Rezende deixou de marcar dois pênaltis

O árbitro Márcio Rezende de Freitas deixou de marcar dois pênaltis para o Atlético durante o clássico contra o Paraná Clube na tarde deste domingo na Kyocera Arena. Para sorte de todos e do futebol, o Furacão venceu a partida por 2 a 1, mesmo sendo prejudicado.

Aos 3 minutos do segundo tempo, o zagueiro Aderaldo colocou a mão na bola, evitando o segundo gol atleticano. No lance, o atacante Finazzi estava prestes a chutar para o gol, mas o adversário, que estava deitado, colocou a mão e segurou a bola.

Quase trinta minutos depois, quando a partida já estava 2 a 1 para o Atlético, Dagoberto sofreu falta de Pierre quase na risca da pequena área. O lance foi claro e as emissoras de televisão mostraram a jogada por vários ângulos. Basta assistir ao lance para perceber a evidente falta cometida no atacante rubro-negro. O pênalti não foi marcado e, para piorar, Márcio Rezende de Freitas expulsou Dagoberto por suposta simulação.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…