31 out 2005 - 18h07

Chateado, Dagoberto promete "rever conceitos"

O atacante Dagoberto afirmou nesta segunda-feira que está chateado por ter sido expulso na partida contra o Paraná Clube, neste domingo, na Kyocera Arena. Dagoberto recebeu um cartão amarelo no primeiro tempo do jogo depois de reclamar acintosamente da não marcação de uma falta. Na etapa final, o árbitro Márcio Rezende de Freitas expulsou o atacante rubro-negro por suposta simulação de pênalti. As imagens da televisão mostraram que nos dois lances Dagoberto sofreu falta.

Satisfeito com a vitória do time por 2 a 1, Dagoberto lamentou que sua expulsão pudesse ter prejudicado a equipe. "A gente fica chateado com o que aconteceu ontem (domingo), mas futebol é assim mesmo. É bom para rever alguns conceitos, até eu mesmo, pois eu não acho que sou dono da verdade", afirmou, demonstrando humildade e disposição em mudar seu comportamento nas próximas partidas.

Mesmo assim, Dagoberto disse que não entende por quais motivos o árbitro deixou de marcar as faltas nele. "O que eu fico mais chateado é alguém ver as coisas e fingir que não vê. Não sei porque ele fez isso", declarou, lembrando que sofreu diversas faltas dos jogadores paranistas.

Cumprindo suspensão automática na próxima rodada, no jogo contra o Vasco, Dagoberto terá mais tempo para se preparar para voltar ao time e promete dedicação total nas últimas partidas. "Eu tento dar o meu melhor para ajudar o Atlético, para ajudar o clube em que estou", garantiu.



Últimas Notícias

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…