7 nov 2005 - 10h53

Manchetes atleticanas desta segunda-feira

Acomodação que nada. No ritmo da torcida, o Atlético deixou o Palmeiras de quatro e aplicou mais uma goleada no Campeonato Brasileiro, ontem, na Kyocera Arena. Fora o show de bola, com direito a olé e ola nas arquibancadas e mais duas bolas na trave. Com o resultado, o Rubro-Negro se manteve na nona colocação e encaminhou mais ainda a classificação para a Copa Sul-Americana. O próximo compromisso do Furacão é o Goiás, domingo que vem, no Serra Dourada.

 

Pelo futebol que demonstrou ontem, na goleada por 4 a 0 sobre o Palmeiras na Arena, não dá para entender como o Atlético está fora da briga pelo título brasileiro. Insinuante, veloz e organizado, o Furacão passou por cima do adversário na base do dois vira, quatro ganha. Com menos de 20 minutos de bola rolando, Lima, duas vezes, já decretava o fim da linha para o time de Émerson Leão. Na etapa complementar, Dênis Marques e Finazzi deram números finais ao 19.º jogo invicto do Rubro-Negro em seu Caldeirão.

 

O sonho da classificação para a Libertadores de 2006 está cada vez mais distante do Palmeiras. Neste domingo, a equipe comandada por Emerson Leão foi goleada por 4 a 0 pelo Atlético-PR, na Kyocera Arena, e ficou seis pontos atrás do Goiás, que detém a última vaga para o torneio continental.

 

Com eficiência e velocidade, o Atlético goleou o Plameiras por 4 a 0, na Arena da Baixada, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time paranaense se manteve em nono lugar, agora com 54 pontos, mas fica mais otimista para garantir uma vaga na Copa Sul-Americana, que classifica do 5º ao 11º lugar.

 

O Palmeiras foi goleado ontem pelo Atlético Paranaense por 4 a 0, na Kyocera Arena, em Curitiba. Com o resultado, o time alviverde ficou mais longe da chance de conseguir uma das vagas para a Libertadores em 2006. A equipe paulista manteve a quinta colocação, com 58 pontos, agora seis atrás do Goiás, quarto colocado.

 

O Palmeiras foi goleado ontem pelo Atlético-PR por 4 a 0, em Curitiba, em partida válida pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time ficou mais longe da chance de conseguir uma das vagas para a Taça Libertadores em 2006.

 


Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…