15 nov 2005 - 23h13

Desfalcado, Atlético tenta melhorar fora de casa

Nada foi mais comentado entre os jogadores atleticanos na última semana do que o péssimo retrospecto da equipe fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Mesmo antes do jogo contra o Goiás, na última rodada, o discurso dos atletas já girava em torno do esforço para obter uma vitória fora de casa e melhorar o aproveitamento do Furacão como visitante – nesta condição, o time tem a quarta pior campanha do Brasileiro. O discurso quase virou realidade quando o Atlético começou bem e chegou a estar vencendo o jogo, mas acabou indo por água abaixo no momento em que o Goiás virou o jogo e manteve a sina de derrotas fora de casa do Rubro-negro.

No entanto, nem a derrota abalou os atleticanos. O pensamento para o jogo contra o Cruzeiro, nesta quinta-feira às 20h30 no Mineirão, é o mesmo: conquistar uma vitória para apagar a imagem de time que só sabe jogar em casa. "Vamos dar tudo de nós para conquistar essas duas vitórias fora", garante o capitão Marcão.

Para vencer o Cruzeiro, o Atlético terá de superar uma série de desfalques. O time não terá os goleiros Tiago Cardoso e Diego, o lateral-direita Jancarlos (suspenso) e os atacantes Dagoberto (machucado), Denis Marques (machucado) e Finazzi (suspenso), sem contar com Fabrício, Caetano e Aloísio, que já não fazem mais parte dos planos para esse Brasileiro. Vinicius assume a meta. Na lateral-direita, o técnico Evaristo de Macedo será obrigado a improvisar novamente o meia Thiago Almeida. "Esperamos fazer um grande jogo e sair de lá com uma vitória. A gente vem jogando bem fora de casa, mas está faltando um pouquinho de atenção. Temos de ir com a mentalidade de conseguir uma grande vitória", afirmou o jogador, empolgado com a nova oportunidade.

No ataque, a camisa 9 será destinada ao jovem Schumacher, de 19 anos. Ele jogará ao lado de Lima, que ainda sente dores no pé direito, e promete agarrar a chance com muita dedicação. "Esperava ter essa chance de novo desde que voltei aos juniores. Agora, com várias lesões e mais a expulsão do Finazzi, se eu realmente for para o jogo espero dar o máximo e fazer gols", afirmou Schumacher na tarde desta terça, ainda sem saber que Evaristo já havia o confirmado na equipe titular. "O Schumacher vem se destacando na equipe de juniores. É jovem, habilidoso e de boa técnica. Surge uma solução neste setor", elogiou o comandante.

Se o Atlético tem dificuldades em algumas posições, o Cruzeiro vai para o jogo sem qualquer problema. A imprensa mineira espera que o técnico Paulo César Gusmão escale a mesma equipe que enfrentou o Brasiliense, na última rodada. Os ex-atleticanos Kelly e Adriano são os principais destaques da Raposa.

O jogo entre Cruzeiro e Atlético, marcado para às 20h30 desta quinta-feira, será transmitido ao vivo pela Premiere Esportes e também pela Rádio Banda B (AM 550), com narração de Jaques Santos, comentários de Sicupira e reportagens de Osmar Antônio.

Notícia atualizada em 16/11/2005 às 12h30

Brasileiro – (17/11/05) – Cruzeiro x Atlético
L: Mineirão; H: 20h30; A: Luiz Alberto Sardinha Bites (GO); T: Premiere Esportes (ppv) e Rádio Banda B (AM 550).

CRUZEIRO: Fábio; Jonathan, Irineu, Marcelo Batatais e Wagner; Maldonado, Fábio Santos, Kelly e Adriano; Diego e Alecsandro. T: PC Gusmão.

ATLÉTICO: Vinicius; Thiago Almeida, Danilo, Paulo André e Marcão; Alan Bahia, Cristian, Evandro e Ferreira; Lima e Schumacher. T: Evaristo de Macedo.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…