5 dez 2005 - 10h30

Manchetes atleticanas desta segunda-feira

O Atlético venceu o São Paulo. Mas só no 2.º tempo, quando no primeiro minuto Ferreira fez o gol rubro-negro. Na 1.ª etapa da partida de ontem o Tricolor paulista não tomou conhecimento do adversário e marcou três vezes, com o zagueiro Lugano fazendo dois gols de cabeça, e o goleiro Rogério Ceni deixando o seu, o 9.º neste Brasileiro. No fim o placar: São Paulo 3 a 1 Atlético.

 

Atlético e São Paulo tinham poucos objetivos na partida de ontem, no Morumbi. O primeiro já estava garantido na Sul-Americana e o segundo apenas queria se despedir do país com vitória antes de disputar o Mundial de Clubes, no Japão. Os dois times, porém, não precisavam esquecer do jogo, como fizeram os paranaenses nos 45 minutos iniciais e os paulistas na etapa final. A vantagem tricolor foi construída no primeiro tempo com três gols (dois de Lugano e um de Rogério Ceni), enquanto o Rubro-Negro marcou apenas uma vez, com o colombiano Ferreira, e amargou a derrota por 3 a 1.

 

O São Paulo irá com moral para o Mundial de Clubes do Japão. O clube apresentou seu cartão de visitas aos adversários do torneio neste domingo à tarde, na última rodada do Brasileirão, quando colocou seus titulares em campo e venceu o Atlético-PR por 3 a 1, no Morumbi.

 

O Atlético se despediu do Campeonato Brasileiro 2005 com uma péssima atuação no Estádio do Morumbi, ontem à tarde. O time perdeu por 3 a 1 para o São Paulo, mas permaneceu em sétimo lugar na classificação. Com isso, garantiu o título simbólico de melhor paranaense na competição.

 

Em sua última partida antes da disputa do Mundial de Clubes da Fifa, o São Paulo ganhou do Atlético Paranaense por 3 a 1, ontem, no Estádio do Morumbi. A equipe do técnico Paulo Autuori embarca hoje para o Japão, onde disputa o Mundial. O São Paulo terminou o Brasileiro em 11º lugar, com 58 pontos, contra 61 do rival paranaense (sexto colocado). Ambos têm vaga na Copa Sul-Americana-2006.

 


Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…