18 dez 2005 - 19h14

Time de Cocito luta para não ser rebaixado

A equipe do volante Cocito, ex-Atlético, está lutando para não cair para a terceira divisão do Campeonato Espanhol. O Tenerife atualmente está disputando a segunda divisão e figura na 16ª posição, com 19 pontos. A equipe de Cocito está a dois pontos da zona de rebaixamento, à frente do Lleida (19ª posição), que soma 17 pontos. Dos 22 clubes, somente os três primeiros sobem para a primeira divisão, enquanto os quatro últimos são rebaixados.

"Só posso dizer que até aqui está sendo um aprendizado e tanto. Só eu sei o que passei nesses meses, com os problemas na Itália. Mas o importante é que resolvemos a situação e consegui voltar a jogar", comentou Cocito, referindo-se ao demorado processo de obtenção de cidadania italiana, que lhe permitiu jogar na Europa.

No último jogo, realizado neste sábado, o Tenerife perdeu para o Polideportivo Ejido (14º lugar, com 20 pontos) por 2 a 0. Tanto Cocito, que veste a camisa 16, quanto William, também ex-atleticano, iniciaram a partida como titulares. Porém, Cocito foi expulso aos 30 minutos do segundo tempo.

Na próxima rodada, na terça-feira, o Tenerife enfrentará o Racing Ferrol, que está em 21º lugar, numa partida fundamental para escapar do rebaixamento.

Demora

Cocito fez sua estréia no dia 20 de novembro, após aguardar durante três meses a regularização de seus documentos. Ele foi negociado pelo Atlético em agosto e não pôde atuar em função da demora no processo de sua naturalização italiana.

"Estou indo bem, embora não possa dizer o mesmo do time, que não está tão bem. Mas quando voltarmos das férias, vamos dar a volta por cima", afirmou o volante, que chega ao Brasil na próxima sexta-feira, dia 23, para passar alguns dias com a família.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…