28 dez 2005 - 11h23

Manchetes atleticanas desta quarta-feira

Atlético já tem tudo pronto pra 2006. Só falta o técnico
O elenco para a temporada já está praticamente definido e parte dele está desde segunda-feira no CT do Caju, para o início dos trabalhos de preparação física. Mas é a falta de último “detalhe” que segue movimentando os bastidores da Baixada: o nome do treinador rubro-negro.

 

Atlético vai de time misto no Estadual
Quatro competições em 2006 e apenas 11 dias de pré-temporada. A situação crítica, em decorrência do apertado calendário do futebol brasileiro, deverá fazer com que o Atlético jogue toda a primeira fase do Campeonato Paranaense com um time misto. Esta, ao menos, é a intenção da comissão técnica, que só espera a chegada do novo treinador para receber o aval e determinar o cronograma final das atividades para o mês de janeiro e fevereiro.

 

Atlético-PR continua buscando um treinador
O presidente do Atlético-PR, João Augusto Fleury da Rocha, afirmou nesta terça que o clube continua a busca por um técnico para a temporada 2006. Fleury garantiu que a permanência de Evaristo de Macedo está praticamente descartada.

 

Destino de Marcão deve ser o Fluminense
O Fluminense deve ser mesmo o destino do lateral-esquerdo Marcão. Após uma passagem-relâmpago pelo Al-Ittihad, da Arábia Saudita — em que foi impedido de disputar o Mundial de Clubes —, o jogador confirmou ontem que já foi contactado pelo clube carioca.

 

Furacão vai confiante em boa campanha
O Atlético sai de Curitiba confiante em uma boa campanha, principalmente porque venceu recentemente o Estadual de Juniores sobre o rival Paraná Clube. No entanto, o técnico Leandro Niehues, que não vai contar com jogadores de 2005, como o atacante Schumacher, ressalta a importância de vencer os jogos para avançar na competição.

 


Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…