30 dez 2005 - 18h48

Ferreira foi o melhor jogador do Atlético em 2005

O meia David Ferreira foi o melhor atleta do Clube Atlético Paranaense na temporada 2005. Ele foi eleito em enquete promovida pelo site Furacao.com. Mesmo tendo sido contratado no meio do ano, o jogador colombiano teve boas atuações no Campeonato Brasileiro e conquistou a confiança da torcida atleticana. Antes mesmo do término do seu contrato, a diretoria acertou a aquisição de seus direitos contratuais e renovou seu vínculo por mais três anos.

A equipe da Furacao.com avaliou os jogadores do Atlético em todas as partidas do ano. Cada jogo contou com pelo menos três avaliadores. Após o cômputo das notas, o melhor jogador de cada mês recebeu o Troféu Furacao.com. O prêmio foi instituído no início de 2004 e se trata de uma maneira de homenagear aqueles que se destacam com a camisa rubro-negra e ajudam a equipe. Ao final do ano, todas as notas foram computadas e os jogadores com as dez melhores médias foram os seguintes (mínimo de participação de 25% dos jogos):

1. Diego – 7,01 (72% dos jogos)
2. Ferreira – 6,98 (32% dos jogos)
3. Tiago Cardoso – 6,95 (26% dos jogos)
4. Paulo André – 6,74 (41% dos jogos)
5. Marcão – 6,47 (72% dos jogos)

6. Danilo – 6,44 (77% dos jogos)
7. Evandro – 6,40 (51% dos jogos)
8. Alan Bahia – 6,38 (74% dos jogos)
9. Baloy – 6,32 (27% dos jogos)
10. Lima – 6,29 (66% dos jogos)

Diante disso, o site promoveu uma enquete para saber a opinião dos internautas atleticanos sobre quem foi o melhor jogador da temporada. Depois de dez dias e quase 7 mil votos, o resultado final foi o seguinte:

1. Ferreira – 39% dos votos
2. Marcão – 38,3%
3. Paulo André – 10,2%
4. Diego – 9,8%
5. Tiago Cardoso – 2,7%

Ferreira, que terminou a temporada com a segunda melhor média, venceu acirrada disputa com Marcão, o quinto melhor nas notas. Com isso, o jogador receberá um Troféu Furacao.com especial por ter sido eleito o melhor jogador da temporada. Durante o ano, ele já havia recebido três Troféus, referentes aos meses de agosto, setembro e novembro.

Clique aqui para conferir o resultado final da enquete.

Desempenho

Aos 26 anos, David Arturo Ferreira Rico experimentou em 2005 sua primeira experiência internacional. Deixou o futebol colombiano, onde havia defendido Expreso Rojo, Real Cartagena e América de Cáli, para vestir a camisa do Atlético, vice-campeão da Libertadores da América. Depois de encontrar dificuldades para se adaptar, passou a brilhar após uma atuação destacada contra o São Paulo, no final do primeiro turno do Brasileiro. O Atlético venceu a partida por 4 a 2, com dois gols de Ferreira. Nesta partida, ele caiu nas graças da torcida.

Em todo o ano, ele disputou 24 jogos, todos pelo Campeonato Brasileiro, tendo permanecido em campo durante 1.820 minutos (o equivalente a 20 jogos inteiros). Marcou nove gols e recebeu cinco cartões amarelos. Além disso, foi também expulso de campo em uma ocasião.

Além de ter recebido por três vezes o Troféu Furacao.com, David Ferreira também se destacou em outras premiações. Na Bola de Prata da Revista Placar, por exemplo, o colombiano terminou na quinta colocação entre os meias, com a boa média 5,95. Graças a isso, foi convidado a participar da cerimônia de entrega do prêmio, em São Paulo.

Apesar da baixa estatura, Ferreira consegue se destacar em campo graças à sua extraordinária condição física, que lhe permite cobrir todas as posições do meio-campo e variar de função, confundindo a marcação adversária. Além disso, é habilidoso e um grande finalizador, especialmente nos chutes de longa distância. Neste ano, destacou-se jogando em uma função ofensiva, às vezes até como segundo atacante. Porém, jogou muitas partidas no América de Cáli como segundo volante, auxiliando na marcação.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…