4 jan 2006 - 9h48

Manchetes atleticanas desta quarta-feira

“Não podemos dizer o nome antes de contratar. Esta semana define, mas eu achava que até o dia 3 a gente teria acertado e não acertamos”, diz o presidente João Augusto Fleury da Rocha. Ele não confirmou a contratação de Toninho Cerezo (ex-Kashima Antlers), fortemente especulado como sendo o novo técnico do Furacão.

Um dos principais responsáveis pelo acesso do Santa Cruz à Série A do Brasileiro, o goleiro Cléber voltou ao Atlético com credenciais para reivindicar a camisa 1 em 2006. Porém, ele prefere manter a humildade e não faz qualquer tipo de exigência ao falar sobre a temporada que se inicia. Sabe que tem pela frente uma briga dura pela posição com Thiago Cardoso, aprovado pela torcida nos 20 jogos que fez como titular no ano passado.

Depois de muita especulação em cima dos possíveis nomes para comandar o Furacão, o novo técnico deve ser mesmo Toninho Cerezo. O nome do ex-jogador ficou ainda mais forte depois de uma grande coincidência. Em entrevista a um jornal de Curitiba, o presidente do Furacão, João Augusto Fleury da Rocha, teria afirmado que o novo treinador ainda não foi revelado devido a um problema pessoal.

Entretanto, Adriano declarou que, caso permaneça, ficará satisfeito. “Voltar aqui será uma felicidade muito grande para mim”, afirmou. Ele citou o jogo Atlético 5 x 4 Cruzeiro, na Arena, pelo Brasileirão 2005. “Naquele jogo fiz um gol e não comemorei. Só abaixei a cabeça porque tenho um respeito muito grande pelo Atlético e pela torcida”, comentou.

O Atlético só não apresentou seu treinador ainda porque o Toninho Cerezzo vai ter que se submeter a uma cirurgia no joelho, em Belo Horizonte. Não fosse esse problema, ele já estaria por aqui comandando o Furacão da Baixada. Isso quem falou foi o próprio treinador, que confirmou o acerto com o Furacão e disse que deverá se apresentar no final de semana.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…