5 jan 2006 - 21h19

Atlético empresta Netinho e Dennys ao Náutico

A diretoria do Náutico anunciou nesta quinta-feira a contratação de dois atletas vinculados ao Atlético: o meia Netinho e o atacante Dennys Richard. Os jogadores permanecerão no clube pernambucano até o final do ano e serão treinados pelo técnico Didi Duarte, que jogou no Rubro-Negro na década de 70.

Netinho (Artur Pereira Neto) tem 21 anos e começou sua carreira no Guarani. Foi contratado pelo Furacão no início de 2005, mas não foi muito aproveitado. Fez apenas seis jogos com a camisa rubro-negra (276 minutos no total), todos pelo Campeonato Paranaense. No Brasileiro, não jogou sequer uma partida.

Já Dennys Richard Pena Lamego, também de 21 anos, começou a carreira no Paraná Clube. Destacou-se nas categorias de base e foi convocado diversas vezes para as Seleções Brasileiras Sub-17 e Sub-20. Graças ao sucesso, foi negociado com o Dínamo de Kiev, da Ucrânia. Em 2004, o Atlético o contratou, mas ele nunca jogou bem com a camisa rubro-negra. Em 2005, foram cinco jogos: um pelo Paranaense e quatro pelo Brasileiro.

Em agosto, Dennys foi emprestado ao Sivasspor, da Turquia. O contrato de empréstimo era por dez meses, mas ele acabou sendo dispensado antes disso.

Colônia atleticana em Recife

Com a ida de Netinho e Dennys para o Náutico, o Atlético passa a contar com uma "colônia" de atletas em Recife. Há quatro jogadores do clube emprestados ao Sport: Durval, Ticão, Welington e Jadilson.

Em 2005, o goleiro Cléber também foi emprestado a um clube pernambucano, o Santa Cruz. Depois de ótima campanha da Série B, retornou ao CT do Caju.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…