6 jan 2006 - 15h13

Unir habilidade e disciplina tática é a proposta de Matthäus

Apesar de ainda não ter confirmado se será o novo técnico do Atlético para a temporada 2006, o alemão Lothar Matthäus já sabe o que pretende implantar caso assuma o comando técnico do Rubro-negro: unir a habilidade característica do futebol brasileiro com a disciplina tática bastante comum na Europa.

“As duas escolas têm seus pontos fortes e fracos. Claro que a brasileira é a mais habilidosa do mundo e eu venho aqui para aprender muitas coisas. Se eu conseguir ensinar aspectos táticos e for bem-sucedido, ficarei feliz. Sempre acreditei que, para vencer, é necessário unir talento à disciplina tática”, afirmou na entrevista coletiva desta sexta-feira, em São Paulo.

Se assinar com o Furacão, Matthäus será o primeiro técnico europeu a trabalhar no futebol pentacampeão do mundo o que, para ele, é uma honra. “Não é segredo que mantivemos conversas sobre formar uma parceria. Eu buscava um desafio e o Atlético está sem treinador. Para mim foi uma honra receber um convite para ser o primeiro treinador europeu a trabalhar no país pentacampeão mundial. A quantidade de meios de comunicação que eu vi aqui cobrindo o futebol mostra o amor dos brasileiros pelo esporte, que é idêntico ao meu”, disse.

No sábado pela manhã Matthäus chega a Alemanha quando se reunirá com sua família para decidir se aceita ou não o convite do Atlético. “Se ela estiver de acordo (sua esposa), assino o contrato no dia seguinte”, falou.

Fonte: Globo Esportes



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…