10 jan 2006 - 22h52

Marijana e as crianças chegarão depois da Copa

Ela era o ponto central das negociações entre Lothar Matthäus e o Atlético. Apesar de ainda nem ter pisado em Curitiba, a sérvia Marijana Matthäus, esposa de Lothar, foi a peça decisiva para que o técnico aceitasse o desafio de comandar um time brasileiro na temporada 2006. Quando esteve em Curitiba, na semana passada, ele afirmou que só aceitaria o convite com o consentimento da mulher.

Depois da aprovação da esposa e de definir outras questões particulares, Matthäus pôde, enfim, dizer ao povo atleticano que fica. Nos primeiros meses de trabalho no Brasil, no entanto, Lothar ficará sozinho, já que a esposa só deve seguir para Curitiba depois da Copa do Mundo, conforme divulgou nesta terça-feira o site alemão Sport Bild.

Marijana está casada com Lothar há dois anos e é a sua terceira mulher. Ela deve vir acompanhada dos três filhos de seu primeiro casamento com o magnata Milorad Kostic, enteados do novo técnico do Atlético. Matthäus tem outros três filhos, dos outros dois casamentos, que devem continuar morando na Europa. Quando esteve em Curitiba, Lothar visitou um colégio especializado na educação de estrangeiros que moram no Brasil, provável local em que os filhos de Marijana estudarão a partir de julho.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…