27 jan 2006 - 0h46

Eisbein no capricho

Cardápio variado de terça a sexta-feira. Do strogonoff de mignon ao frango empanado. Mas a especialidade é o tradicional Eisbein. Não por menos, ele é o prato mais pedido do restaurante que faz menção ao joelho de porco. É no Cantinho do Eisbein que o site Furacao.com continua a série especial sobre a cultura alemã em Curitiba. Estamos mostrando tudo o que vai poder ser encontrado pelo novo técnico do Atlético, Lothar Matthäus, a partir da próxima semana, quando desembarcar no Aeroporto Afonso Pena.

Depois de muito trabalho para ajeitar o time do Atlético no Campeonato Paranaense, Lothar vai poder se divertir de uma maneira bem caseira na capital paranaense. Além do Bar do Alemão, outro restaurante típico da terra do treinador é o Cantinho do Eisbein. Localizado no bairro Água Verde (a poucos quilômetros da Kyocera Arena), a casa é comandada por Egon Taruhn desde 1986. Junto com o filho, Rodrigo Taruhn, ele oferece uma receptividade contagiante. "Nós fazemos questão de agradar da mesma maneira o cliente que vem pela primeira vez, ou o que vem pela enésima", é o que está escrito no cardápio. E a Furacao.com garante que é assim mesmo.

Para experimentar novos gostos da culinária alemã, a reportagem pediu um marreco recheado. Com acompanhamento de repolho roxo, arroz e purês de batata e maçã, a receita também é sucesso entre os clientes. "O marreco é um dos pratos que mais saem aqui no restaurate. Ele tem um gosto muito particular", garante Egon, que explica que os pratos preparados pela casa provêm de regiões distintas da Alemanha e não é costume que um mesmo estabelecimento ofereça eisbein, marreco e kassler. "Se o Lothar não se entregar aos gostos do churrasco, será um prazer recebê-lo aqui no Cantinho", completou o dono do restaurante.

Futebol e gastronomia

O Cantinho do Eisbein ostenta com orgulho 10 estrelas consecutivas do Guia 4 Rodas, tradicional publicação brasileira que avalia pontos turísticos. Tanto sucesso levou o proprietário a abrir a casa todos os dias. "Antes eu reunia os amigos só na sexta-feira. A propaganda boca a boca deu tão certo que, quando eu vi, estava atendendo aos sábados, domingos. Daí para atender de terça à domingo foi um pulo", disse Egon.

Egon e Rodrigo Taruhn: sucesso no Cantinho do Eisbein [foto: FURACAO.COM]


Torcedor do Paraná Clube, Egon Taruhn disse que espera a visita de Lothar: "Eu torço para o Paraná, mas fiquei feliz com a contratação do alemão, apesar de nunca ter visitado o país dos meus antepassados. Essa jogada do Atlético foi muito inteligente". Quem também gostou da idéia foi o filho de Egon, Rodrigo. Torcedor do Coritiba, clube que disputará a segunda divisão do Campeonato Brasileiro em 2006, ele disse que Lothar pode fazer muito sucesso na cidade. "Na realidade, quem mais gostou dessa contratação foi o meu filho. Apesar de ter o avô paranista e o pai coxa-branca, ele é atleticano. Eu perguntei o porquê disso e ele respondeu: ‘Eu era coxa até quando a minha camisa servia. Depois, cansei e virei atleticano’".

A amizade com os clientes e a simpatia no atendimento são alguns dos segredos de tanto sucesso do Cantinho do Eisbein. O restaurante que vai deixar Lothar Matthäus sem saudades da comida de casa.

Serviço
Cantinho do Eisbein
Avenida dos Estados, 863 – Água Verde
Telefones: (41) 3329-5155 / 3023-5155
Atendimento: terça a sexta-feira – 11h30 às 14h00 / terça a sábado – 19h00 às 23h30 / sábado e domingo – 11h30 às 15h00

Créditos
Reportagem e edição: Marçal Justen Neto e Sérgio Tavares Filho



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…