29 jan 2006 - 19h01

Jogadores do J. Malucelli dedicam empate a Lio Evaristo

“O empate é para o nosso professor, uma homenagem a ele que sempre nos deu muita força”. A declaração é do zagueiro Paulo César, autor do gol de empate do J. Malucelli na tarde deste domingo contra o Atlético, em São José dos Pinhais.

O jogo marcou o reencontro de Lio Evaristo com o Atlético, clube em que trabalhou até o ano passado. Depois de passar por várias funções dentro no Furacão (técnico do time de Juniores, auxiliar técnico e até mesmo assumir a condição de técnico-interino do time), Lio foi dispensado pelo Atlético em junho do ano passado. Quando Antonio Lopes chegou no clube para ocupar o cargo de treinador, anunciou que Lio não seria reintegrado à comissão técnica do profissional após seu período de férias.

Agora técnico do J. Malucelli, Lio afirma estar feliz com a oportunidade que conseguiu no time de São José dos Pinhais e revela que seu objetivo maior é transformar novamente o clube na quarta potência do futebol paranaense. “Estou contente , o J. Malucelli montou um time competitivo. Hoje pegamos um adversário de alto nível, de qualidade. Não é fácil jogar contra o Atlético, com jogadores de alto nível, acostumados com pressão. Mas estou feliz porque os jogadores da minha equipe deram sangue para conseguir a vitória para mim. Ela não veio, mas eles foram determinados, eles queriam me dar a vitória de presente”, disse Lio.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…