7 fev 2006 - 16h37

Moto, primeiro adversário, atravessa má fase

O Moto Club, primeiro adversário do Atlético na Copa do Brasil, terá de superar uma crise para poder fazer um bom papel diante do Furacão. A equipe maranhense está na última colocação da Taça Cidade de São Luís, torneio que antecede o Campeonato Maranhense. Foram disputadas apenas duas rodadas, mas o Moto fez apenas um ponto e é o lanterninha. O líder Maranhão tem aproveitamento 100% e 6 pontos.

No último domingo, o Moto foi goleado por 5 a 1 pelo modesto Santa Quitéria, campeão da segunda divisão estadual do ano passado. A equipe do técnico Sandow Feques jogou com: Marabá; Ribamar, Givanildo, Jeferson e Israel; Gegê, Railson, Deco, e Diná; Juninho e Gabriel (Valtinho).

A torcida do Moto está preocupada porque o clube negociou há poucos dias cinco jogadores revelados nas categorias de base e que fizeram um bom papel na Copa SP de Juniores. Diego, Clayton, Palito, Fábio Ricardo e Douglas foram emprestados a um empresário paulista por R$ 40 mil.

Atlético e Moto jogarão no Estádio Nhozinho Santos, em São Luís, no dia 15 de fevereiro (quarta-feira), às 21h45, pela primeira rodada da Copa do Brasil 2006.



Últimas Notícias

Brasileiro

Mais do mesmo

Pela rodada 18 do Brasileirão, em Bragança Paulista, Bragantino 1 x 0 Athletico. Em mais uma jornada com a horrenda camisa amarela, o Athletico precisava…

Sul-Americana

Tá ruim mas tá bom

Pela repescagem (ou playoff) da Sul-Americana, no Paraguai, Cerro Porteño 1 x 1 Athletico. No segundo jogo de Martin Varini no comando técnico do Athletico,…