18 fev 2006 - 13h54

Manchetes atleticanas deste sábado

Evandro está voltando e quer se firmar entre os 11
O técnico Lothar Matthäus começa a ensaiar o retorno do meia Evandro ao Atlético. Após ficar afastado dos gramados por cinco meses, devido a uma pubalgia, o alemão conversou com o jogador e disse que vai colocá-lo em campo progressivamente. E aos poucos ele espera reconquistar um lugar no time rubro-negro. Após jogar 15 minutos contra o Nacional e ainda sem condição de atuar 90 minutos, o garoto de Blumenau deverá ganhar nova oportunidade contra o Francisco Beltrão na segunda etapa.

 

Joelho dói mais uma vez e Fabrício adia retorno
Não foi desta vez que o meia Fabrício retomou sua história no Atlético. Sentindo dores no joelho esquerdo, o jogador foi cortado da delegação e não enfrentará o Francisco Beltrão, amanhã, no interior.

 

Aloísio não se reapresenta ao Atlético-PR e multa começa a contar
O atacante Aloísio ainda não se reapresentou ao Atlético Paranaense. A Justiça do Trabalho de Curitiba concedera ao clube uma liminar que obriga o jogador a cumprir o contrato que tem com o Furacão até dezembro deste ano. Portanto, o atleta deveria se reapresentar imeditamente.

 

Vitória dá ao Atlético a vaga na próxima fase
O Atlético pode garantir no domingo a classificação para as quartas-de-final do Campeonato Paranaense. Se vencer o Francisco Beltrão, no estádio Anilado, assegura mateticamente a vaga na próxima fase, com três rodadas de antecedência. A partida, válida pela 11ª rodada da competição, será às 16 horas.

 

Fabrício vetado e Denis Marques está de volta
O técnico Lothar Matthäus pensou em aproveitar o jogo de amanhã, contra o Francisco Beltrão, em Francisco Beltrão, para promover a volta do craque Fabrício aos gramados. O jogador, que não vê a cor da bola há um bom tempo, estava entre os convocados para essa partida. Porém, voltou a sentir fortes dores no joelho e acabou vetado pelo departamento médico. Melhor para o atacante Denis Marques, que parece ter sido perdoado pelo treinador alemão e vai com a delegação para o interior do Estado. Vai ficar no banco, mas já é alguma coisa. Para quem estava afastado por não merecer vestir a camisa do Atlético, só o fato de estar entre os integrantes da delegação já é uma vitória.

 


Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…