22 fev 2006 - 6h05

Manchetes atleticanas desta quarta-feira

Matthäus pediu a contratação do meia Válber, do Moto Club
A excelente apresentação do meia Válber contra o Atlético pela Copa do Brasil rendeu ao jogador do Moto Club. Após o confronto, na quarta-feira da semana passada, Válber conversou com dirigentes e está praticamente acertado para vir para a Baixada. Além dele, o clube e o técnico Lothar Matthäus declararam aberta a “caça” a um lateral-direito de ofício.

 

Dago pede salário que nem o Real pagaria, diz Fleury
As emoções que Dagoberto vem despertando no torcedor atleticano não devem se resumir às quatro linhas. Um dia após o atacante pedir, em entrevista à Gazeta do Povo, uma valorização condizente com o seu futebol, a diretoria rubro-negra de uma resposta nada animadora para o jogador.

 

Disputa entre Atlético e São Paulo por Aloísio continua
A novela envolvendo o atacante Aloísio, o Atlético-PR e o São Paulo pode não acabar tão cedo, mesmo com a audiência marcada para o próximo dia 3. Apesar da liminar que a justiça do trabalho concedeu ao Furacão, o jogador não apareceu no Centro de Treinamentos do Rubro-Negro para trabalhar, porém surgiu um novo capítulo.

 

Bruno Lança pode ser efetivado na lateral
O Atlético conta hoje com apenas um lateral-direito: Jancarlos, 23 anos, titular absoluto da posição desde o início de 2005, quando chegou ao clube após passagens por Juventude e Fluminense. Agora, o clube pode estar ganhando um segundo jogador para a posição. Trata-se do volante Bruno Lança, 23 anos, que foi improvisado na ala-direita nas duas últimas partidas pelo Campeonato Paranaense.

 

São Paulo e Atlético brigam na Justiça por Aloísio
Apesar da boa fase, com 100% de aproveitamento na "era Matthaus" e no retorno do atacante Dagoberto, fora de campo o Atlético segue com o imbróglio do empréstimo do centroavante Aloísio ao São Paulo. A novela, cheio de recursos jurídicos, tem novo capítulo nesta semana.

 

O alemão já mostrou que tem capacidade
Se alguém tinha dúvidas quanto ao sucesso do técnico Lothar Matthäus à frente do Furacão da Baixada, essas dúvidas estão indo por água abaixo. Além de dar uma tremenda notoriedade ao clube, o treinador tem nada menos do que 100% de aproveitamento nos jogos em que dirigiu a equipe. Foi uma vitória atrás da outra, sem dó nem piedade.

 


Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…