8 mar 2006 - 9h18

Fleury explica restrições ao trabalho da imprensa

No final da tarde desta terça-feira, após o treinamento físico, o presidente do Atlético, João Augusto Fleury da Rocha, atendeu aos pedidos de setoristas que cobrem o Atlético e conversou com os repórteres sala de imprensa do CT do Caju.

Indagado sobre as razões das restrições ao acesso dentro das dependências do CT, Fleury respondeu à reportagem do Jornal do Estado que o objetivo é “preservar a disciplina”.

“O CT é uma área enorme onde circulam centenas de pessoas. É um local de trabalho, não de exibição”, comentou. “A presença da imprensa não atrapalha, mas deve estar integrada dentro de uma ordem disciplinar”, afirmou o presidente, que prometeu ainda que o trabalho da imprensa não terá qualquer tipo de cerceamento.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…