17 mar 2006 - 21h52

Ora, ora, alemão…

Lothar Matthäus não faz mais parte da comissão técnica atleticana. O alemão anunciou oficialmente a sua saída na manhã desta sexta-feira aos diretores atleticanos. "O contato que eu tive com os jogadores e com os diretores foi muito bom. Mas eu informei a eles que eu não poderia mais continuar no Brasil por problemas pessoais. Minha esposa Marijana e as crianças, em Budapeste, sentiram muito a minha falta", afirmou Lothar.

No comando do Atlético desde o dia 30 de janeiro, Lothar Matthäus ficou no banco de reservas por oito partidas. Venceu seis, empatou duas e não perdeu nenhuma. A melhor atuação do rubro-negro com o treinador foi em Francisco Beltrão, quando o Furacão goleou o time da casa pelo placar de 6 a 0.

Contratado com a aprovação de 86% dos torcedores atleticanos, Lothar Matthäus iria trazer a família para Curitiba após a Copa do Mundo – quando seria liberado pela direção para trabalhar como comentarista numa tv alemã. "Eu anunciei a minha saída agora para que o clube pudesse contratar um novo treinador antes do Campeonato Brasileiro. Isso sim é justo", finalizou o treinador.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…