22 mar 2006 - 23h43

Givanildo vai ter bastante trabalho…

Givanildo Oliveira aceitou a proposta do Atlético na segunda-feira pela manhã. No dia seguinte, tomou um avião para o Rio de Janeiro e foi apresentado aos jogadores do clube. Conversou com os atletas e tentou lhes passar motivação para o jogo desta quarta-feira, contra o Volta Redonda, pela segunda fase da Copa do Brasil. Das tribunas de honra, o novo técnico rubro-negro assistiu à derrota de sua equipe por 2 a 1 e pôde perceber que terá bastante trabalho nas próximas duas semanas, preparando o Furacão para o jogo de volta, na Kyocera Arena.

Comandado pelo técnico dos juniores Leandro Niehues, o Atlético entrou em campo sem seu capitão, o volante Alan Bahia, substituído por Bruno Lança. Também não jogaram os machucados Dagoberto e Michel Bastos. Ainda com o peso da eliminação precoce no Campeonato Paranaense, a equipe fez uma partida apática. No início do jogo, até chegou a criar chances com Ferreira, Rodrigão e Evandro, mas foi o time da casa que saiu na frente. Aos 29 minutos, Sérgio Manoel cobrou falta, a bola desviou em Danilo e enganou Cléber.

O empate veio cinco minutos depois, em uma das raras boas jogadas coletivas do Atlético. Moreno recebeu de Evandro e rolou para Erandir, que ajeitou e soltou uma bomba de fora da área. O chute saiu bonito e a bola entrou no canto do goleiro Adriano, que nada pôde fazer. Nos minutos seguintes, o meia Ferreira teve duas oportunidades para virar o jogo, mas foi impreciso nas conclusões.

Apagão

No segundo tempo, o Atlético simplesmente deixou de jogar futebol. Logo nos primeiros minutos, o meia Evandro cometeu jogada violenta no meio-campo, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Com um a menos em campo, o Atlético abdicou do jogo e adotou a estratégia de se defender para garantir o resultado.

O goleiro Cléber se destacou, praticando muitas defesas importantes e sendo decisivo para evitar o segundo gol do Voltaço. Logo aos 2 minutos, ele foi esperto ao sair da meta nos pés do meia Cadu para fazer boa defesa. Depois, fez pelo menos quatro defesas de grande importância: em cobrança de falta de Sérgio Manoel, aos 7, em uma cabeçada à queima-roupa, aos 8 e em dois chutes de fora da área de Hamilton, aos 24 e aos 30.

De tanto insistir, o Volta Redonda acabou conseguindo mais um gol. Aos 35 minutos, o lateral-direita Márcio Gabriel driblou Bruno Lança na ponta e cruzou para a pequena área. Desta vez, Cléber ficou só acompanhando a bola e viu Orlando aparecer livre e escorar para a meta. Nos quase quinze minutos seguintes, o Atlético só teve uma chance para marcar: com Pedro Oldoni, aos 45. Ele recebeu na área, mas chutou torto.

Nos acréscimos, o Volta Redonda chegou com grande perigo por duas vezes e por pouco não marcou o terceiro gol. Seria um golpe cruel para o Atlético e uma dor de cabeça ainda maior para Givanildo, que começará a trabalhar nesta quinta-feira.

%ficha=485%

Melhores momentos do jogo

Primeiro tempo
08 min – Volta Redonda chega com perigo. Amaral invade a área pela esquerda e chuta na rede pelo lado de fora.
11 min – Ferreira cruza da esquerda para o centro da área, mas Rodrigão pega mal na bola.
14 min – Rodrigão arriscou de fora da área, mas chutou por cima da trave.
17 min – Evandro chutou de longe e a bola passou perto.
22 min – Após boa troca de passes no ataque, Jancarlos bate cruzado, mas muito forte.
25 min – Zaga atleticana falha em cobrança de escanteio e Volta Redonda assusta.
29 min – Gol do Volta Redonda. Sérgio Manoel cobra falta da ponta-direita, a bola desvia em Danilo e engana Cléber.
34 min – Gol do Atlético. Evandro toca para Moreno, que aciona Erandir na entrada da área. O volante acerta um belo chute de longa distância e empata a partida.
35 min – André Norat bate cruzado e a bola passa raspando a trave.
38 min – Ferreira é lançado na pequena área, de costas para o gol. Ele gira, mas chuta em cima do zagueiro.
43 min – Rodrigão aciona Ferreira na área. Ele dribla o zagueiro e bate, mas Adriano faz grande defesa.
47 min – Fim do primeiro tempo.

Segundo tempo
02 min – Cléber sai bem da meta e faz ótima defesa em chute de Cadu.
07 min – Sérgio Manoel cobra falta e Cléber faz grande defesa.
08 min – Sérgio Manoel cobra escanteio e Cléber faz ótima defesa em cabeçada do atacante do Volta Redonda.
24 min – Hamilton chuta de longe e Cléber espalma para escanteio.
30 min – Hamilton arrisca de muito longe e Cléber manda a escanteio mais uma vez.
35 min – Gol do Volta Redonda. Márcio Gabriel ganha de Bruno Lança e cruza para Orlando, dentro da pequena área, cabecear livre para o gol.
45 min – Pedro Oldoni recebe de Fabrício na área, corta o zagueiro, mas bate para fora.
47 min – Hamilton cruza da esquerda e Túlio completa para o gol, mas árbitro anula marcando impedimento.
49 min – Volta Redonda quase marca.
49 min – Fim da partida.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…