O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
16 maio 2006 - 18h10

A força da Arena

Durante muitos anos o Atlético Paranaense foi temido pela força do chamado “Caldeirão”. Jogando dentro da Baixada, hoje Kyocera Arena, não só ganhava seus jogos como aplicava goleadas. Era favorito em qualquer jogo em casa. A torcida sabia que a vitória vinha naturalmente e quando jogava mal, no máximo, amargava um empate, mas sempre mantendo uma invencibilidade.

Hoje, depois de perder para o ADAP e Volta Redonda em casa, ser desclassificado do Campeonato Paranaense e da Copa do Brasil, além de ser derrotado dentro da Arena por Fluminense e Internacional, o time ficou abalado e não consegue manter um ritmo ideal de jogo. Jogadores de bom nível como Jancarlos, Evandro, Ferreira e outros bem cotados, não conseguem render o que sabem. É uma síndrome que precisa ter um fim.

Fora de casa o time se transforma, cresce em campo e consegue neutralizar adversários como Botafogo (um elenco forte) e Santa Cruz (um time ameaçado pelo rebaixamento, mas lutador). As duas vitórias fora de casa mostram que o time do Atlético não é ruim. No elenco estão nomes de atletas que jogariam em qualquer time da primeira divisão. O problema é psicológico, faltando apenas a primeira vitória marcante para devolver a tranqüilidade a todos.

O torcedor é um apaixonado que vive das glórias e das emoções, não aceitando derrotas inexplicáveis como vem acontecendo. A ajuda que vem das arquibancadas nunca faltou, pois os rubro-negros gritam o tempo todo, a bateria não para e todos são testemunhas disso. A diretoria tem se empenhado, colocando à disposição do elenco as melhores condições possíveis. É uma estrutura de primeiro mundo. O que está faltando então?

Na minha ótica, está faltando empenho por parte de alguns jogadores. Jogar com mais determinação e chutar mais ao gol, mas com confiança. Cada um jogar por dois, revelando a raça que a torcida tanto pede. Quando o time joga unido o futebol coletivo aparece e todos ganham com isso. Estamos subindo em direção aos melhores na tabela de classificação, contamos com o artilheiro do Brasileirão e ainda somos os atuais vice-campeões da Libertadores da América. Falta retomar o caminho da vitória na Kyocera Arena.

Que me perdoe o ótimo time de Goiás (com os ex-atleticanos Rogério Corrêa, Fabiano e Antonio Lopes), mas chegou a hora. Sábado tem que ser dia de festa atleticana no famoso Caldeirão de todos os tempos.



Últimas Notícias

Opinião

Se fosse simples….

…qualquer um faria! Hoje, com o advento maciço da internet, todo mundo é chef, todo mundo é coaching, todo mundo é tudo! Basta ver uma…