5 jul 2006 - 9h21

Atlético deve apostar na volta do 4-4-2

A partida contra o Fortaleza, na próxima quarta-feira, dia 12, deve trazer novidades na formação tática do Atlético. Com as ausências do zagueiro Alex e do volante Alan Bahia, suspensos pelo terceiro amarelo, o técnico Givanildo Oliveira deve apostar no retorno do 4-4-2, com Danilo e João Leonardo formando a dupla de área e Erandir e Cristian sendo os responsáveis pela marcação no meio-de-campo. Pelo menos essa foi a postura do time no treino coletivo de terça-feira.

No coletivo, o time titular do Atlético jogou com: Cléber; Jancarlos, Danilo, João Leonardo e Moreno; Erandir, Cristian, Evandro e Ferreira; Herrera e Pedro Oldoni. Entregue ao Departamento Médico com dores musculares, o meia Fabricio não participou dos trabalhos. Outra ausência foi do atacante Dagoberto, que após uma conversa com o técnico Givanildo Oliveira deixou o Centro de Treinamentos e não participou das atividades.

Quando chegou no Atlético, Givanildo não escondeu sua preferência pelo esquema com apenas dois zagueiros e dois jogadores no meio-campo responsáveis pela marcação. No entanto, disse que iria avaliar o elenco para saber qual a melhor postura a ser trabalhada. Antes da parada para a Copa do Mundo, o Atlético tradicionalmente jogava no 3-5-2, com Danilo, Paulo André e Alex compondo o trio defensivo.



Últimas Notícias

Sul-Americana

Caminhando pela América

Dentro de uma semana o Athletico volta a campo na primeira partida da equipe principal e num dos torneios cobiçados pelo clube na temporada: a…